13 de nov de 2011

Marcas na pele... forever!

Em minha última postagem, recebi, por meio dos comentários, uma dica da querida Luana, sugerindo que eu falasse sobre minhas tatuagens. Então, #DicaFicou e estou aqui, falando um pouco sobre esse assunto. Antes, vamos "pincelar" um pouco a respeito dessa arte milenar:

A tatuagem se espalhou pelo mundo com significados próprios em cada civilização. Na Nova Zelândia, por exemplo, fazia parte de rituais complexos do povo Maori, sempre ligados à religião. Já para os samoanos, o ato de pintar o corpo marcava a passagem para a idade adulta. Nas Américas, as tribos indígenas dos Estados Unidos, a civilização maia e os astecas também eram praticantes da tatuagem.

Já sob o poder pagão, os primeiros cristãos se reconheciam pelos sinais marcados no corpo. Tempos depois, na Idade Média, a Europa baniu a tatuagem com o argumento de que era "coisa do demônio". No ano 787, a arte foi proibida pelo Papa Adriano, que mandava perseguir, aprisionar e até matar aqueles que ousavam desafiar o poder da igreja católica. No Japão feudal, a tatuagem era uma forma de punição, tornando-se sinônimo de criminalidade. No final do século XIX, a arte se espalhou pela Inglaterra pelos marinheiros[...][RaçaBrasil]
Então vamos ao assunto. Quer tatuar? Tenha certeza de que não irá se arrepender. Eu demorei longos anos para fazer minhas tatuagens, pois, sendo criada em uma família um tanto conservadora, minha querida mãezinha (amo a D. Doraci) jamais me daria dinheiro para fazê-las. O tempo passou, eu comecei a trabalhar e me tornei independente, mas ainda assim, somente alguns bonnsss anos depois, decidi o que realmente queria fazer. Fiquei mais ou menos 3 anos decidindo. Sim, TRÊS ANOS. Não me arrependo de ter demorado tanto tempo para resolver tatuar, hoje sei que minhas marcas na pele são muito queridas e, mesmo que os anos cheguem e a pele enrugue, nunca me baterá um arrependimento.


As primeiras tattoos que eu fiz, foram o gato na lua, no ombro direito e a estrela vazada, no ombro esquerdo, no stúdio do Dyego Tattoo. Nessa época, surgiu, em uma rodinha de bate papo o assunto "tatuagem em número par dá azar!"... Pensei, se for assim, estou ferrada, pois fiz duas. Mas, como sempre dou um jeito pra não dar margens ao acaso, logo falei... ahhhh, mas eu fiz uma estrela, uma lua e um gato(ímpar). hahahahah... saí pela tangente, né!? Olha a superstição aí de novo. Falando em crendices, vejam o que encontrei por aí!? Descobri que os tatuados, quando morrem, não vão para o céu, vão para o VALE DOS TATUADOS ... Isso mesmo! "É o local, segundo crêem alguns, onde ficam exiladas as almas daqueles que, durante a vida terrena, marcaram seus corpos com tinta"[...] o.O Heim!!?!??

Continuando... para minha segunda tatuagem, tive mais um ano e meio para pensar. Na verdade, acho que demorei mais esse tempo todo por causa da grana. Porque, é necessário dinheiro se vc quiser fazer algo de qualidade e eu queria um desenho maior, tbem. E, como o marido estava querendo fechar o braço, com uma mega tatuagem, tivemos que nos organizar financeiramente para fazermos as belizinhas, na mesma época. Eu pretendia fazer algo no ombro esquerdo, mas alí havia a tal estrelinha vazada e eu precisava pensar em uma forma de compor um desenho com ela. Foi então que, quando levei a ideia do desenho, escolhido com tanto carinho, o tatuador Giuliano Maia sugeriu a composição das rosas que eu havia escolhido, cercadas pelas estrelas. Só posso dizer que adooooooorei o resultado!

Deixe-me voltar um pouco em meu texto, para evitar interpretações errôneas... qdo falo sobre a importância de esperar para fazer uma tatuagem, não estou dizendo que todo mundo deve demorar tanto tempo para escolher fazer sua tatuagem. Estou apenas expondo minha história. Pois, acredito que seja importante não entrar nessa onda de marcar a pele, pelo simples auê. Afinal, é para o resto da vida. Conheço pessoas que tatuaram bem mais novas que eu e nunca se arrependeram, mas, tbem conheço o outro lado da história, onde amigas e amigos tatuaram sem pensar e hoje se arrependem amargamente.  Aqui entra também a escolha do tatuador e do desenho. Pesquise, corra atrás de informações seguras sobre os tatuadores que vc escolher. 
No meu caso, tive outro "grande" problema, pois tenho tendência a queloide e fiquei muito preocupada se isso seria um empecilho. Mas, no final tudo deu certo! Ah, já estou planejando fazer algo na panturrilha. Quero um desenho bem grande e linnnnnndo! Planos, planos, planos...

E vocês?? Curtem tatuagens??? Não gostam???? Gostam, mas só nos outros????? Odeiam?????? Acham que nós, "folhinhas de gibis", iremos para o Vale dos tatuados??????? Acham que tatuagem muda caráter???????? Preferem tatuagem de chiclete????????? Podem rasgar o verbo. Eu aguento!!!! :) bjinhosss

Seguem minhas tatuagens, amadas 'forevermente'!!!
Meu lindo gato preto e a estrelinha... Essas foram as primeiras tatuagens!
 My roses and stars... após primeira sessão, somente sombreada! 
Ainda sem colorir!

 Depois da segunda sessão, coloridinha! Foto "roubada" do RostoLivro de Giuliano Maia ...

"Não, eu não me esqueci que vou envelhecer e que as minhas tatuagens também vão...
Não me importo se terei que esticar a pele enrugada para ver o desenho que sempre achei tão bonito.
O meu corpo contará a minha história quando eu estiver cansada demais para falar. Até lá, ostentarei com orgulho o trabalho dos artistas, dos amigos... "

OLD IS COOL! (na foto: Emma e Otto Manischewski)


49 comentários:

  1. Oi Joicy
    Olha, eu caio direitinho num dos seus exemplos do final do post, sou daqueles que gosta só nos outros. Acho super legal e admiro muito quem faz, mas em mim, só levo picada de injeção... hahahhaha
    Muito louco esse negócio do vale dos tatuados, se for assim vcs serão muito antisociais depois da morte hein... hehehe... suas tatoos são muito legais, as rosas ficaram muito boas, eu gostei que, apesar da estrela ser clichê de mulher, você não usou o desenho feminino mais clichê de todos, a borboleta.
    Sobre o Orlando Bloom, eu queria zoar ele de alguma maneira porque ele ta bem gay no filme dos mosqueteiros, e não consegui pensar em nenhum outro personagem além do Légolas, mas saiba que eu tambem curti a atuação dele que pra mim foi a melhor depois do Aragorn.
    Se cuida
    Bjuss

    ResponderExcluir
  2. Ahh, esqueci de falar sobre o DBZ... ^^)
    Que bom que vocês gostam, é muito legal, você disse que o seu filho ta desenhando mangá agora né? Eu comecei a fazer meus rabiscos com os personagens de DBZ, além de eu ser super fã do anime, é bem fácil de desenhá-los.
    Não sei se vc já ouviu aquela piadinha sobre a pascoa e o dragonball:
    A Páscoa é o dia em que agradecemos aquele que nasceu, lutou e morreu por nós: Obrigado, Goku!!

    Agora vou-me mesmo.
    Até!!

    ResponderExcluir
  3. Não tenho tatuagens, mas quase tds meus amigo tem e alias tenho um super amigo mega tatuador q sempre quis me tatuar, mas na minha adolescencia minha mãe ultra religiosa não permitia em hipotese alguma, me frustrando bastante, pois naquela epoca era doido para fazer uma. Passaram - se anos e a vontade diminui, mas ainda quero fazer alguma coisa, talvez uma em homenagem ao meu filho, esse é um dos projetos q tenho para o ano q vem. Qd fizer disponibilizo para o pessoal ver...hehehe... Agora tem um filme de terror interessante, não é grande coisa, mas fala sobre essas violentas tatuagens samoanas em que pessoas chegam até a morrer fazendo, o nome do filme é O TATUADOR. Adorei esse post, ABRAÇÃO!

    ResponderExcluir
  4. RICKY, olha só, qdo fui fazer minha tattoo, eu queria algo que fosse bonito... borboleta não estava em minhas escolhas! kkkkkkkkkkkk... ainda bem, né!? Tbem tinha o fato de querer algo um maior. Algumas pessoas pensaram que eu fosse fazer um dragão, lagarto e afins... ahahhaha... mas, optei pela rosa... mais especificamente aquelas rosas... foi amor a primeira vista! Achei tudo a composição das estrelas. E, o desenho ficou igualzinho eu queria. ;) ...

    Qto ao Dragon Ball, eu ri demaisssssss com a piadinha... eu conhecia ela, tbem para simbolizar o natal, já que essa época fala de nascimento! hahahahhaha... bom demais! Viva o deus Goku!! bjssss

    CELO, acho que seu problema era igualzinho ao meu... com a diferença que naquela época eu nem tinha tanta vontade de fazer tatuagens. Mas, minha mãe tbem era ultra conservadora em relação a isso... No meu caso, a vontade de tatuar algo foi surgindo com o passar dos anos e só aumentando! Tanto que já quero outra... Assim como vc quero fazer uma homenagem ao meu filho... a próxima será com essa finalidade, se tudo der certo! Quero fazer algo na panturrilha, bem grande. Mas, não será retrato. Essas eu não gosto! Apesar de conhecer excelentes tatuadores de portrait. Sobre o filme que vc indicou, nossa, fiquei interessada! Adoro filmes de terror... Dica anotadíííííssima! bjks

    ResponderExcluir
  5. Oi querida, vim retribuir a visitinhaaa e dizer q adorei teu blog viu!!!

    Vc viu minha tattoo do gatinho do Romero Britto???Eu amo ela... e adoreeeeeeiii essas suas rosas, maravilhosas!!!

    bjinhos linda...
    http//tuttifiorebella.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi linda.
    adorei seu blog! obrigada pela visita ;)
    suas tatoos são lindas :D
    eu tenho muita vontade de fazer uma no pé em homenagem a minha mãe, mas ainda estou pensando pq é algo pra vida toda neh ;)

    Seguindo aki :D

    beijoooos

    ResponderExcluir
  7. Amiga Joicy Doux Sorcière li o seu post incrível la no blog, adorei a forma como você expôs sua experiência e a colocação histórica da arte que tanto amamos. Mas também ameiiiiiiii o texto do link que você colocou sobre o vale dos tatuados... Adorooooooooooooooooooooo postagens criticas bem construídas e ideias bem defendidas..... #sousuafânº01!!!! hehehehe

    ResponderExcluir
  8. Mais um post super bacana, como já disse, não tenho tatoos, mas, sou super fã. Tenho muita vontade de fazer, mas quero algo com um significado pra mim, sem clichês...rsrs (apesar de gostar de borboletas)kkkkk, como vc fez estou amadurecendo a idéia, já visitei alguns estúdios e ja namorei alguns desenhos, mas ainda não me apaixonei...(Adoooooro seu gatinho), quero algo minha cara, como ele é a sua...Bjos linda!

    ResponderExcluir
  9. Muito legal seu post,eu tenho uma tatuagem pequena e uma grande nao teria coragem de fazer,mas acho bonitas nos outros..hehe
    Estou seguindo seu blog,pois gostei muito das postagens,valeu pela visita e volte sempre que quiser.!! bj
    .
    http://a-corujinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. A obra de arte no seu braço, faz jus ao seu rosto liiiindo, parabéns pelas tatoos.

    ResponderExcluir
  11. Ameiiiiii vamos nos encontrar no alem... no umbral dos tatooados!!! kkk Brincadeirinha Joyce mais vc ta de parabens seus Post sao o maximo, agora nao perco mais nenhum vou virar fã de carteirinha!!! Beijokas..
    By Graciana

    ResponderExcluir
  12. Ah sim, tinha esquecido que você é de Goiás rsrs. Eles entraram em contato comigo alguns dias atrás para analisar o álbum. Não sou dos maiores admiradores do metalcore, portanto se tirassem isso do som me agradaria mais rsrs. Mas tenho de deixar isso de lado na ánalise e eles são mesmo muito competentes.

    Realmente hoje em dia é muito comum réplicas aos montes das bandas de maior sucesso, e isso pode se observar tanto no Brasil como na Europa, especialmente no Power Metal, Death Metal e Gothic Metal que são estilos bem saturados atualmente.

    Estou de total acordo. Quando fui ao show do Blind Guardian este ano, na mesma semana tinha aqui um show do Torture Squad por aqui, que na minha modesta opinião é uma das melhores bandas nacionais. Mas os alemães fazem uma turnê mundial a cada 4 anos e os brasileiros eu poderia assistir depois em qualquer outro show pelo estado, lógico que fui ver os bardos. Não é questão de menosprezar a cena nacional, é questão que não tinha grana e tempo para ir aos dois shows e tive de priorizar rsrs.
    A questão dos organizadores foi um ponto, mas são nítidos os vários pontos fracos no discurso do Falaschi. Eu sequer concordo que o metal nacional morreu, muito pelo contrário, acho que está em uma de suas melhores fases e tendo muitas bandas alcançando renome pelo mundo (diferente também da bobagem por ele dita que no país só existe Angra e Sepultura). A questão do público é algo a parte, pois eu também cansei de ver nos 2 últimos anos shows internacionais na cidade de São Paulo com um público bem longe de lotar a casa, isso não vem ocorrendo por aqui só com as bandas nacionais, apesar de que com as nacionais é mais crítico rsrs. Só mesmo as bandas de muito nome têm lotado as casas de show aqui em São Paulo.
    E de fato por ser brasileiro não me obriga a ouvir as bandas daqui, para mim que não sou brasileiro de origem nem teria sentido isso rsrs. O problema é o preconceito e as pessoas que já falam que qualquer coisa vinda do Brasil que não seja o Sepultura não presta rsrs. Se ouviu e não curtiu beleza, está no seu direito, o problema é criticar sem conhecer.
    Eu gosto do Angra, admiro o Rafael Bittencourt como compositor, mas os últimos dois trabalhos deles foram bem abaixo da carreira da banda. O Edu também de uns tempos para cá está muito fraco ao vivo e por isso não vou mais a shows do Angra também, mas já fui em muitos. O Edu é um cara super simpático, ma também super contraditório e às vezes hipócrita.

    Poxa, acho tatuagens muito supimpa rsrs. Cada vez mais vem aumentando minha vontade de fazer uma, porém ainda não tenho condições financeiras para tal. Também tenho certo receio quanto a dor rsrs, e também ao fato de minha pele ser super clara e também bastante sensível. Mas eu acho tatuagens muito legais, suas rosas ficaram muito bacana! E o vale dos tatuados é novo para mim, muito interessante, mas um tanto sinistro rsrs.

    Obrigado pelos links, vou conferir depois o trabalho da Sanguinea.
    Acho que agora eu é que extrapolei e escrevi demais rsrs. Prometo escrever menos nas próximas vezes rsrs.
    No mais, bom feriado para você e sua família!

    ResponderExcluir
  13. Olá Joyci!

    Eu ADORO tatuagens!! Mass ainda não fiz nenhuma!!!
    Sério nem eu sei como isso foi acontecer1 Mas é assim: eu decidi só tatuar simbologia pagã em meu corpo...escolhi um ankh maravilhoso de um pingente que comprei e uma cruz medieval também de um pingente que tem um pentagrama no centro...
    Agora quero fazer mais uma..só que nao encontrei a imagem..muitas me passam pela cabeça..mas quero pesquisar mais simbolos.
    Já era para eu ter feito as duas que mencionei mas sempre entrou no meio tempo ou uma despesa de última hora....
    Mas hei de conseguir!!!!!!!!

    É né/ Embora as crendices pareçam bobas é melhor não arriscar..eu sempre desviro os chinelos ahshahshas.
    Ah é mesmo..a Galeria do Rock é uma coisa maravilhosa para pessoas com estilo e bom gosto como nós! Eu sempre babo por aqueles coturnos maravilhososo que só tem lá. Eu tento até evitar de ir pra lá porque senão vou á falência..e também porque meus tempos áureos de rolê minguaram u.u.
    Bom pelo menos a 25 de Março não estava o caos..quando chega fim de ano sai um caderno tipo guia turistisco da 25 de Março, com endereços de lojas e locais de lá para os turistas se localizarem rs.
    Lembrei de um lugar de SP que meredce muito ser visitado..é a Catedral da Sé..ela é linda!!!!
    Mas é isso mesmo..quando vamos á bons shows de bandas ou cantores que adoramos é uma experiência inesquecivel. Eu fui em pouquissimos shows, confesso. Mas o da Sarah Brigthmann me arrepiou..aquela voz é de uma deusa.
    Eu não tenho muitas pessoas que topariam ir em alguns shows comigo..claro que dependendo da banda tenho amigos e amigas. Mas como as bandas que eu mais gosto nunca viriam para cá, então nem me preocupo com isso rs.Nossa, vc é de Goiania! É a primeira vez que troco idéias com alguém dessa região! Pelo menos agora parece que o rock tá conseguindo se espalhar melhor pra outras regiões do Brasil assim como o metal. É um avanço...\o/ Isso já não acontece com o gótico e o punk, que se limitam na maior parte dos casos em SP mesmo.
    Ah que isso adoro seus comments longos! Adoro responder!
    bjs!

    ResponderExcluir
  14. Oi, Joicy!

    Já pensei seriamente em fazer uma tatuagem. Mas nunca concretizei a ideia. Se um dia eu fizer, vai ter que ser algo que faça muito sentido para mim.

    As tuas tatuagens são muito bacanas. Gostei bastante.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. BYANQUINHA, sim, eu vi sua tatuagem do Romero Britto... eu adooooooro as obras de arte dele. Todos os anos trabalho com meus alunos. Acho tudo de lindas... Seja bem vinda... volte sempre! Ok!? Bjks

    REBECA MIRA, que bom vc ter gostado de meu cantinho... está convidada para voltar sempre que quiser. Pense bem mesmo, para fazer sua tattoo... pois, é algo pra toda a vida, né!? Super beijo...

    LORENA, minha antiga lôra e atual ruiva preferiiiiida! Obrigaaaada pelos elogios, sua lindona!! Pelo jeito, nos veremos no VALE DOS TATUADOS e poderemos fazer uma hiper mega festa por lá! Que tal!?? Kkkkkk Pelo menos, as coisas não serão tão sem graça por lá... só a galera gente boa!!! Te adoro! Bjsssss

    CORUJINHA, esse lance de tatuagem tem que gostar mesmo. Acho que se vc gosta da sua pequenina, como é... então está ótimo! Meu problema, é que comecei com uma pequena e fui aumentando. A próxima que eu desejo fazer será bemmmm maior... rs... Volte sempre, tbem... bjssss

    ANÔNIMO 1, obrigaaaaada pelo elogio...

    ANÔNIMO 2(Graciana), como eu disse para a Lorena, acho que se juntarmos a galera gente boa, tatuada, lá no Vale dos tatuados, vai dar pra rolar uma mega festa, né!? Rsrs... Que bom saber que vc gostou dos posts... volte sempre, mesmo, ok!? Será sempre bem vinda... ☺ bjssss

    ResponderExcluir
  16. MANFIO, pois é, sou Goiâninha do pé rachado! Hahahaha... olha aí, mais uma semelhança entre nós, pois, assim como vc, metalcore tbem não está entre meus sons preferidos. Mas, apesar de não estar entre minhas preferências de som, acho que os meninos do Deadly Curse fazem um bom som.
    Sobre as bandas “réplicas”, vc tem razão... isso acontece tanto aqui quanto fora do Brasil.
    Agora, fugindo um pouquinho do assunto, deixe-me expressar minha total inveja momentânea: VC FOI ASSISTIR AO SHOW DO BLIND GUARDIAN!? Que maravilhaaaaaa... caramba! Estou me roendo aqui... hahahahah... mas, garanto que não vou lançar urucubaca alguma para vc. É invejinha branca! Se é que pode-se dizer isso... kkkkkkkkkk...
    Vc não é brasileiro? Desculpe a curiosidade, mas qual sua nacionalidade, querido!? Concordo com vc, essa onda de preconceito que ronda dentro da cena chega a ser irritante. Dizer que não gosta de tal coisa e escrachar com determinadas bandas sem ao menos ouvir, é algo ridículo! Lembra quando eu te disse, há algum tempo que não me atenho à rótulos? É justamente por isso... pq já me peguei, há alguns anos, dizendo que não curtia determinado som e qdo acidentalmente ouvi, curti pra caramba! Por isso, hoje, só falo que não gosto mesmo depois de ouvir. Já passei a gostar de muita coisa depois que deixei isso de lado... Já aconteceu de muitas vezes eu não curtir a banda, mas curtir muito UMA MÚSICA dela. Acho imprescindível se desarmar quando o assunto é conhecer novas bandas.
    A respeito das tatuagens, a questão da grana pesa mesmo... Pois é uma despesa grande, ainda mais quando se pretende fazer uma tatuagem maior e com um bom tatuador. Sobre o medo da dor, não vou mentir pra vc, pq realmente DOI PRA CARAMBA! Mas, é uma dor suportável! Se eu te contar que mooorrooooo de medo de agulhas, vc acredita!!?? Qdo vou ao dentista, sou pior que criança! Sério!!! Mas, quando fui fazer as tatuagens, me comportei direitinho... Durante a primeira sessão, para fazer as rosas, fiquei quase 5 horas sentada, fazendo as benditas. Confesso que quando chegou ao final, eu já estava surtando, por dentro! Mas, não demonstrei... kkkkkk... só no finzinho eu disse ao tatuador que não dava mais. Qto ao Vale dos Tatuados, é cada coisa que a gente é obrigado a aturar, né!? Só espero encontrar uma galera gente boa, por lá e que role metal a vontade!! Hahahahha... Ahhhhh, sobre escrever muito, vamos fazer um trato, vc continua escrevendo o tanto que quiser que eu tbem seguirei essa linha. Pq se vc já percebeu, não consigo diminuir... hahahaa... é como eu disse pra Tsu, no blog dela, estamos liberaaaaaados para escrevermos a vontade! Adoro ler suas postagens e trocar ideias. Bjão

    ResponderExcluir
  17. TSU, Eu compreendo perfeitamente o fato de vc ainda não ter tatuagens! Eu tbem fui adiando minhas tattoos, pois fiquei um bom tempo resolvendo o que fazer... qdo decidia aparecia outra coisa... que bacana, vc querer fazer algo voltado para a simbologia pagã! Vai com tudo! Mesmo que demore, continue persistindo! Pra mim, o único problema que estou percebendo, em relação as tatuagens, é que faço uma e quero outra... nessa toada, vou virar um gibi! Hahahaha... esse negócio é viciante!

    Preciso confessar uma coisa... vc falou tantooo da Sarah Brigthman que fui ao youtube escutá-la... QUE LINDAAAAAAAAAA!!! Nossa, super amei a voz dessa mulher! Encantadoramente linda... Assisti ao dueto dela com Fernando Lima que me fez arrepiar toda! Me emocionei... Tudo a ver comigo... adorei, adorei, adorei! Obrigada por compartilhar. Se tiver outras nessa linha, pode mandar que estou aceitando sugestões. Agora já sei quais serão as músicas da semana, pra mim. rsrs Pq sou assim, qdo gosto... gosto “de cum força”! #SouDessas rs
    Pois é, sou Goiâna do pé rachado... hoje, vc e o Manfio descobriram minha “goianidade”... kkkkkk É verdade, o metal está conquistando outras regiões e saindo do monopólio São Paulo/Rio. Isso é bom. Mas, ainda precisa evoluir muito. Porém, já é alguma coisa né!? Mas, ainda assim, quando quero ver bandas grandes, só indo para Sampa... Por aqui ainda temos poucas oportunidades...

    Sinto-me lisonjeada de ser a primeira pessoa das bandas de cá a trocar ideias com vc. Vou te falar uma coisa, reativar meu blog, foi uma excelente realização dos últimos meses. Adooooro esse universo virtual! Gosto muito dessa interatividade toda!! Tem sido um super aprendizado trocar ideias com pessoas como vc. Super abraço e bjs

    BRUNO MELLO, pense bem, aí quando se decidir, faça sem medo mesmo! :) Obrigada pelo elogio... bjsss

    ResponderExcluir
  18. Não tenho vontade de fazer uma tatuagem HOJE.. Mas penso em fazer daqui uns 10 anos, hehe, igual a Angelina Jolie, que tatua a data do nascimento dos filhos dela =)) Acho bem legal da parte dela e penso em fazer isso, hahahha

    ResponderExcluir
  19. Oi linda adorei seu post!!!!!!!

    http://dessasoares23.blogspot.com/

    bjusss

    ResponderExcluir
  20. Hahaha, eu fui uma vez para Goiás, faz bastante tempo já... Pareceu ser uma boa cidade de se viver.

    Anda bem né, se for jogar macumba, que jogue urucubaca lá no pessoal de Brasília rsrs. Eu tinha de ir ao show do Blind Guardian, na última turnê internacional deles não fui pq era muito novo e minha mãe não me deixou ir rsrs. Agora eu não iria ficar esperando possíveis novos 4 anos para nova turnê dos caras. Se bem que eles vão lançar uma coletânea ano que vem e talvez isso resulte em nova turnê, mas vai saber... E fazia muito tempo que eu não ia num show com a casa tão cheia como estava no Blind Guardian.

    Sou natural da Cidade do Porto, pertencente ao Distrito do Porto em Portugal. Mas ainda bem novo minha mãe voltou para o Brasil comigo. Desde então só voltei a Portugal em 2006 e atualmente pretendo tentar um intercâmbio com a Universidade do Porto. Mas é como eu sempre digo, no documento minha nacionalidade é portuguesa, mas de coração e alma sou brasileiro tentando agora a naturalização rsrs.

    Eu pensava assim também até pouco tempo atrás. Era o típico headbanger que só ouvia heavy metal e desprezava todos os outros estilos mais pop e comerciais rsrs. Quando "acidentalmente" fui ouvir Johann Sebastian Bach e me apaixonei também pela música erudita. Com isso abri a mente para outros estilos também. Isso me fez lembrar de um amigo, que afirmava convictamente, "Mano, eu só ouço Death Metal, nada além disso". Um dia fui na casa do cara e o peguei ouvindo o treco mais melódico existente no heavy metal, Stratovarius rsrs. Hoje em dia ouço até algumas coisas mais moderninhas como Muse, mas só algumas músicas também. Tem muitas bandas meia boca por aí que apresentam uma ou outra música muito boas (não que o Muse seja meia boca rsrs, apenas não me agrada muito).

    Pois é, minha mãe jamais bancaria uma tatuagem para mim rsrs, então tem de ficar para o futuro. Eu tenho problemas com agulhas também rsrs... Para ir tirar sangue é um sufoco! Ficar 5 horas fazendo a tatuagem deve ser bem cansativo e estressante também. Mas acho que o que mais me preocupa não é a dor em si, mas a questão de ter a pele bastante sensível, que se irrita facilmente. Preciso levar um bom papo com um tatuador e um dermatologista rsrs. O vale dos tatuados me lembou o Limbo não sei porque. Mas é mesmo uma grande viagem isso rsrs.

    Haha, então tudo bem. As vezes é difícil mesmo controlar os dedos em frente o teclado rsrs.
    Que tenha por aí um bom inicio de semana!

    ResponderExcluir
  21. NOSSA... a tatuagens são lindas!! A do gato então maravilhosa, estou doida pra fazer uma de gato tbm, alías tenho 9 gatos.
    Obrigada pela visita, vim retribuir e seguir seu Blog que é demais, parabéns, se sentir a vontade me segue tbm... Bjs e bom feriado!! =)

    ResponderExcluir
  22. Que lindas as suas tatuagens! Adorei a do gatinho preto na lua, LINDA!

    Um beijo,
    Luara - @luuara
    http://estantevertical.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Oi Joyci!
    É...o problema é que tem tantos desenhos legais...se bobear acabmaos nos tatuando inteiras! Acaso vc já viu aquele Zombie Boy (ou algo assim)? o cara é todo tatuado...é dá hora mas chocante! Então eu optei por simbologia por causa da beleza dos simbolos e por conter significado afinal, aparência não é nada sem conteúdo né?
    Ah você gostou de Sarah Brigthmann *_* SIIIIIM ela é uma deusa!!! Incomparável! Agora vc imagina como foi ouvi-la ao vivo! Procure o video dela da música I Wonderfoul World, no show de Las Vegas..e também o video em que ela canta Phantom of the Opera. É surpreendente o potencial vocal dela. Tem uma música Time to Say Godbye que ela canta com Andrea Bocelli..se vc arrepiou no dueto com o Fernando Lima
    (que só pra vc surtar..ele esteve presente no show dela em Sp e eles cantaram a mesma música) espera até ver ela com o Bocelli!
    Ah e procure a música Fleurs du Mal...minha favorita.
    Olha, tem outras duas cantoras que não são como a Sarah, mas que curto muito..veja alguns videos da Sarah e depois te passo as outras rs.
    Sim, pelo menos o rock tá chegando em todas as partes do Brasil. Sabe, tempos atrás a galera otaku era vista como "o que diabos é isso?" agora pelo menos em SP e Rio é tudo comum e ultimamente está tendo vários eventos do gênero em outros estados. O mesmo acontece com a música.
    Eu adoro trocar idéias com pessoas de outros estados! Recentemente mantenho contato com pessoas de Balneário Camboriu, Sorocaba, do Espirito Santo, uma amiga da Holanda e agora de Goiania hohoh.
    Nossa eu não sei o que seria de mim sem meu blog..graças á ele além de divulgar meu trabalho, gostos e me aperfeiçoar na escrita, estou smepre conhecendo pessoas sensacionais!

    Agora dá uma olhada no meu novo post do blog..vc vai gostar!
    bjs

    ResponderExcluir
  24. Oi, Joyce, tudo bem!? Vi seu link no face da amiga de uma amiga. hehe... e como o tema me chamou atenção, vim correndo conferir. Nossa, achei seu texto muito bacana e bem escrito. Confesso que ri demais sobre o vale dos tatuados. Essa eu não conhecia. Eu não tenho tatuagens. Gostaria muito de fazer uma nas costas, mas como voce disse, tem a questão da grana e como quero algo grandinho vai custar mais, né? Vou esperar um pouco mais aí eu faço. Achei suas rosas muito lindas. A composição delas com as estrelas ficaram muito bonitas. O gatinho é fofo, mas não gosto muito de gatos não. Acho que é paranóia antiga da minha parte. kakaka Bom, é isso. Continue compartilhando que continuarei visitando. beijos

    ResponderExcluir
  25. Oie flor, que post bacana...
    Eu tenho vontade de fazer sim, só falta a coragem!
    Beijinhos
    Tenha um ótimo feriado!

    vitrinecorderosa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  26. Olá Joicy, como vai?
    Agradeço sua visita ao meu blog e so fiquei meio na dúvida sobre o que seria "gastura", que acho que quer dizer "aflição".
    Gíria regional isso; legal.
    Gatos são ótimos animais de estimação e amigos, se respeitarmos a independência deles, razão porque muita gente prefere cachorros.
    Eu gosto de ambos.
    Sobre tatuagens, acho que elas representam algo muto pessoal e único; nunca fiz nenhuma e nunca pensei em fazer.
    É natural no decorrer da vida mudarmos de opinião, e a tatuagem com um significado relevante hoje pode perder o significado amanhã, mas acho que só eu penso assim.
    Alguns amigos meus da blogosfera criaram um grupo de blogueiros no Facebook, Joicy, caso tenhas perfil lá e queiras fazer parte, basta digitar "Blogosfera no Facebook" e solicitar ingresso.
    Prazer em conhecer e um bom feriado pra ti.

    ResponderExcluir
  27. Eu penso em fazer tatuagem mas como aconteceu contigo poderei apenas quando tiver minha grana.

    ResponderExcluir
  28. Acho suuuper lindo, sou extremamente louca para fazer uma, mas tenho um sério problema com agulhas...Sei lá, não consigo nem tomar injeção ou fazer exame de sangue sem quase desmaiar, fico pensando se tentar uma sessão de tatuagem...Sério, me borro de medo!! Minha pressão caí, é uma porcaria:(
    O que é uma pena, pq acho simplesmente fantástico!
    Então, fico babando na dos outros, rs.
    E sim, eu também acho que uma tatuagem tem que ser muito bem pensada e, acima de tudo, tem que significar algo para quem vai passar o resto da vida com ela (não é que nem protetor de tela, que quando vc cansa vai e muda a figura).
    Super lindas as suas!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  29. [quasedevidro] Eu não sabia que a Angelina fazia tatuagens com as datas de nascimento dos filhos. Que interessante! Cada um com sua mania né!? Vc ainda é bem jovem, tem bastante tempo pra pensar se quer ou não. Bjs

    MANFIO, então quer dizer que vc já veio pelas bandas de cá? Sim, Goiás é uma cidade boa por demais de se viver. Vc mora em São Paulo, né? Olha, sou apaixonaaaada por Sampa... e olha que só fui duas vezes, para passear! As outras que passei por aí, foram realmente somente passadas rápidas. E, qdo eu tinha 16 anos fiquei alguns dias em São Bernardo. Mas, essa paixão minha é recente, de um ano pra cá! Simplesmente me encantei pela capital paulistana. Mas, confesso, não teria ânimo para morar aí não. Pra mim Sampa é um lugar apenas para passeio...

    Kkkkkkkk... eu ri do seu “que jogue urucubaca lá no pessoal de Brasília”, me fez lembrar das “rixas” GYN x BSB, apesar que eu não me encaixo nesse grupo, pois gosto muito do povo brasiliense!

    Qto ao show do Blind, fiquei muito chateada por não ter ido. Só fiquei sabendo do evento, poucas semanas antes. Então, pra organizar a viagem, ficou tudo muito em cima! Fiquei feliz em ler vc falar sobre a nova coletânea, sendo assim, minha esperança de vê-los em breve, aumenta a cada dia.

    Então quer dizer que vc é natural da cidade de Porto!? Que bacana... Tenho muitos parentes que moram em Lisboa. Há duas primas e uma tia que já até adquiriram dupla cidadania. Uma de minhas bandas favoritas é de lá. Moonspell!! Além de gostar muito da banda, tbem adoro o Fernando Ribeiro como escritor. Suas poesias são belas...

    Essa história de headbanger bitolado é coisa antiga... acho que todo “metaleiro”, ou quase todo, foi assim um dia! O que importa é se dá a oportunidade de mudar esse pensamento fechado, pois, a meu ver, não vale a pena viver assim! Vc falou em música erudita e meus sininhos tocaram felizes. Relembrei meus tempos de escola de música. Gosto muito... Qto ao Muse, já tentei ouvir, mas não curti.

    Ah, seu problema em encarar a tatuagem por conta da pele sensível deve ser pensado com carinho. Pois é coisa séria. Apesar que acho que isso não será empecilho. Mas, qdo vc realmente resolver fazer, vá mesmo ao dermatologista para tirar todas as dúvidas. Câmbio, desligo... ;)Bjão

    JANE DOS ANJOS, quer dizer que vc é amante de gatos!? NOVE!??? Caramba, eu tenho um gato e já acho muito... rs... gosto muito, mas como moro em apartamento é só o que podemos ter. Ele é muito amado e bem cuidado. rs... Obrigada pelos elogios às minhas tattoos, são minhas queridas!!!!

    LUARA, o gatinho é meu xodó... primeiro filho! hihihi bjs

    ResponderExcluir
  30. TSU, minha querida! Eu realmente não posso bobear, pq senão ficarei quinem o Zombie Boy(sim, conheço demais! rs)... só não teria a coragem de tatuar nada no rosto (acho muita loucura... mas, cadum com seu cadum, né!? hhhehehe)
    Ah, ando ouvindo muito Sarah Brigthman e percebi que já conhecia muitas músicas dela... só não sabia dar “nome aos bois” ... heheheh... achei perrrrrfeito os duetos com o maravilhoso Andrea Bocelli (ele é perfeito!). Fleurs Du mal foi a primeira que ouvi dela, no dia que a busquei no you tube. Lindaaaaa!! Fico imaginando a emoção que vc sentiu em poder vê-la ao vivo. Vá indicando aí que vou correndo ouvir daqui! :)

    Sobre o blog, assim como vc me sinto muito bem trocando ideias com o pessoal daqui. Não só no blog, claro. Esse mundo virtual é meu “universo paralelo”... adoro tudo nele!!! Sou adepta do facebook e ali é minha segunda casa. kkkkkk Conheci muita gente nesses espaços virtuais e faço questão de manter contato.

    Fiquei encantada com sua nova postagem! Pensar que estive em Sampa logo após o Zombie Walk! Puxa, eu teria amado participar!! rs ... aqui em Gyn tbem houve, mas não pude participar. Quem sabe no próximo! Adoreiiiii as caracterizações! Adorei ver fotos suas, sua linda!

    JULIANA, que bom saber que a divulgação no face tem trazido gente para meu blog, seja bem vinda! Eu tbem ri litros sobre o vale dos tatuados... é verdade, fazer uma tattoo grande é dispendioso, vá pensando e juntando a graninha aí qdo der certo, faça mesmo! :) Ahhhhhh... espero que vc tire paranóia contra gatos da ideia. Eles são muito queridos... Claro, eles têm um jeito todo especial de ser e não são serelepes como os cachorros. Acho que por isso eu gosto tanto deles. Rsrs

    LUCIELEN, acho que no meu caso a vontade foi bemmmmm maior que a falta de coragem! rs...

    ResponderExcluir
  31. JACQUES, olá! Por aqui tudo às mil maravilhas, ainda mais depois de um longo feriado... tudo se tornam flores, né!? rsrsrs
    As vezes eu me esqueço que estou falando com pessoas de outros estados e solto essas “gírias regionais” (a verdade é que tenho mais gírias regionais que vc possa imaginar, pois, da infância até a adolescência minha família se mudou pra caramba – até hj fico me perguntamos se não temos “veia cigana”... rs... – então conheço gírias do nordeste, sul, centro-oeste e norte, o que acabou se tornando parte de meu linguajar... kkkkkk... qualquer coisa a gente vai construindo um glossário por aqui!!! hahahahah)... sim, gastura quer dizer isso mesmo, aflição, agonia... rs... por aí!
    Prefiro gato... já tive cachorro, na infância e ele morreu de uma forma muito traumática, para mim. Teve uma doença e não sobreviveu. Depois disso, meu irmão caçula teve outros cachorrinhos, mas, eu não consegui me apegar a nenhum deles, como ao Rabito. Ah, tbem acho gatos mais fáceis de lidar. Eles são totalmente independentes e só chegam em vc qdo querem. Cachorro é sempre mais “carente”! rsrsrs Tbem tem a questão de eu morar em apartamento e acho uma judiação ter um cachorro em um espaço tão pequeno, afinal, eles são tão serelepes e espaçosos. Rsrsrs ...
    Olha só, sobre as tatuagens, concordo plenamente com vc. Por isso demorei bastante tempo para fazer. Hoje eu sei que carregarei minhas tatuagens para sempre, sem arrependimento. E, ainda virão outras mais... o.O heehehehe
    Poxa, adorei o grupo que vc me indicou(Blogosfera no FaceBook), dei uma “espiada” e gostei demais! Adoro esse mundo virtual e o facebook é, digamos, minha segunda casa! Rsrsrsrs
    Qto ao seriado American Horror Story, vou confessar que inicialmente eu fiquei com os dois pés atrás... como eu disse, estava esperando algo lugar comum, por ter me decepcionado muito, ultimamente. Mas, me surpreendi. Sou fã de horror e acho que A.H.S. tem conseguido superar minhas expectativas. Mas, numa coisa concordo com seu amigo, me preocupo se eles terão tanto assunto para um seriado mais longo. Pra mim, ficará saturado em apenas uma temporada! Vamos ver até quando isso vai... até lá, vou curtindo a primeira temporada! Hehe
    Fiquei muito feliz com sua visita e sua participação... Volte sempre!!! bjks

    LEO, é verdade... esse lance da grana é o que pesa!

    GISELE CARMONA, ahhhhh se eu te contar que mooorro de medo de injeção, vc acredita!? Qd vou ao dentista e preciso levar anestesia ou quando vou fazer exames de sangue quase dou um troço... sou pior que criança! O.O Minha sogra achou que eu iria fazer o primeiro risco e desistiria... hahhaahah... mas, fui forte! Como eu disse acima, acho que a vontade de fazer a tattoo foi bem maior que o medo de agulhas!!! Obrigada pela postagem e pelos elogios... bjsss

    ResponderExcluir
  32. "É o local, segundo crêem alguns, onde ficam exiladas as almas daqueles que, durante a vida terrena, marcaram seus corpos com tinta"

    Pessoal que pinta o cabelo está FU! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    É cada coisa ridícula que se houve, né?

    Eu acho suas tattoos lindas desde a primeira vez que vi fotos.
    Eu até tenho vontade de fazer, mas tenho medo da dor. kkkk

    Beijos.

    ResponderExcluir
  33. LAY, oláááááá queridona! Pior de tudo é pensar que há pessoas que acreditam nessas bizarrices... kkkkk...
    Obrigadaaa... tbem acho minhas tattoos super lindas! Não tenho modéstia nesse quesito... ahhahaha

    Qto a dor, ahhhhh eu tbem morria de medo... mas, como já disse em um dos comentários acima, a vontade foi maior que a doooooorrr!!!! hahahahah

    bjkssss

    ResponderExcluir
  34. Olá Joicy, fiquei encantada com suas tatuagens. Sempre achei um máximo essa estrelinha! De uns tempo pra cá estava super e ainda estou afim de fazer uma, no antebraço escrito "Infinite" com o símbolo puxando no "e", acho lindo, quero demais. Só que no momento ainda não tive oportunidade, e também, tenho medo pelo preconceito que algumas pessoas donas de empresas tem com tattos aparentes. O que você me sugere? Se jogar nessa idéia? Ou ainda quero fazer uma coroa, tem um significado muito bom e além de ser super delicada. Mas tenho medo da dor, dizem que dói demais, dói horrores, e já me assustou muito essa idéia haha. Amei o post, tudo o que eu precisava, beijos.

    ResponderExcluir
  35. Darling(VM), querida! Obrigada!!! Olha só, adorei suas ideias de tattoos... vou te contar uma coisa, sou professora... aí vc imagina o receio que eu tive por conta do preconceito, e olha que eu não faço questão de esconder totalmente. Tipo, na maioria das vezes, uso camisetas que cobrem tudo, mas em algumas vezes as camisetas, dependendo da manga, mostram um pedaço da estrela que fica embaixo das rosas. Todos com quem eu trabalho sabem da minha tattoo e em relação a eles não percebo esse precon. Já, com os pais, no começo do ano alguns olham meio torto, mas com o passar do tempo fui conquistando. Acho que minha competência passou por cima disso tudo. Ainda tenho um fator que complica ainda mais, pois uso piercing no nariz e tenho as orelhas com cinco furos em cada. Sei lá, mas já me sinto mais aceita... talvez pq eu já conquistei meu espaço, onde trabalho. Mas, dizer que não há preconceito contra tatuados, seria mentira de minha parte! Meu marido tem o braço direito todo fechado, mas com ele não há problemas, uma vez que é Designer gráfico(trabalha em agencia de publicidade) e o grupo profissional com que ele convive é bem mais mente aberta! Dependendo da sua profissão, indico que vc, inicialmente, faça a tattoo em algum lugar que vc possa esconder quando quiser. No lugar onde eu tenho, é um pouco mais evidente, dependendo da roupa que vc usa. Mas, dá para esconder tranquilamente. Vc tbem pode fazer abaixo do ombro, descendo pelas costas. Tbem indico a panturrilha... Mas, se vc for usar uniformes como saia, aí será um problema! rs... Ah, qto a dor, veja bem... eu morrooooooo de medo de agulhas... já até falei isso para algumas pessoas nos comentários acima, sou do tipo que “dá pirepaque” no dentista e em exames de sangue! Me surpreendi por conseguir fazer as tatuagens. Se dói!? Sim, dói muito... pra caramba mesmo!! Até mesmo pq é uma dor constante! Mas, é uma dor totalmente suportável! Espero ter ajudado... Qualquer coisa, pode perguntar... bjinhos

    ResponderExcluir
  36. Eu tenho meu dragão no braço esquerdo com muito orgulho e nada de arrependimento...

    ResponderExcluir
  37. Então vc tem um dragão, Victor Von Serran!? Que bacana... já estou planejando minha próxima tattoo!!!

    bjks

    ResponderExcluir
  38. Joicy, quando eu tinha meus 16 anos eu queria porque queria fazer uma tatuagem. Estava naquela de guitarra/banda/rock n´roll/rebeldia e alguns amigos já estavam com umas tatuagens legais.

    Quando minha mãe soube das pretensões do seu filhinho único, disse de forma carinhosa:

    "Entre aqui com uma tatuagem, por menor e mais escondida que seja, que você pode escolher: ou sai voando por aquela janela ou vai esfregar até sair!"

    Como eu nunca duvidei das ameaças da minha mãe, resolvi deixar pra lá...e a vontade foi passando. Hoje não tenho mais desejo de fazer tatuagem, mas admiro quem teve ( e tem) as manhas de fazer UM BOM desenho no corpo.

    Sim, porque tem umas "tatuagens" por aí que vou te dizer... e um aluno que quis homenagear a mãe que se chamava "Mariene" e o sujeito escreveu "Marlene"? Sérioooooo! Eu até brinquei (tadinho) dizendo que era só colocar um pingo no "l"...rsrsrs Mas fiquei com pena do menino.

    Aí é que está: muita gente quer fazer tatuagem e vai em "qualquer um" e o resultado é uma porcaria. Dragão que parece um passarinho, Leão que parece um gato doente... já viu as tatuagens daquele pinel do Jorge Kajuru? Ele tatuou a Adriane Galisteu e a Claudia Milk Azedo no corpo e os resultados foram horríveis! O Popó, ex-boxeador, tatuou o rosto da mulher ( que é bonita) e o parecia uma bruxa. Aí o que fazer? Cobrir com um desenho ainda maior? Submeter àquele tratamento de laser para retirar?

    Uma das últimas vezes que vi a MTV passou um programa com um jovem viciado em tatuar o corpo. Era quase como uma droga mesmo, quando o cara não consegue obter a satisfação entra "na nóia" e ansioso. No youtube deve ter...

    Relembrando novamente minha adolescência: eu tinha um amigo que ostentava os dois braços cobertos por tatoos e, claro, nossas mães morriam de medo dele kkkkkk "Macarrão" era o apelido dele, do rock e tal...quando saí de SP para Salvador, pelos idos do ano 2000, fiquei sem ir à minha saudosa terra por uns 4 anos. Quando retornei vi o "Macarrão" novamente: só andava com camisa de manga comprida pra esconder as tatuagens e cortou o cabelo - e virou "crente". Ele me disse que foi complicado arrumar emprego por causa da apresentação pessoal.

    Bom, a última vez que voltei em SP foi em 2007 e não o reencontrei...mas hoje deve estar mais fácil pra ele, pois as tatuagens já são mais aceitas - embora o preconceito ainda perdure.

    Sabe qual é o único tipo de tatuagem da qual eu tenho cisma? Aquelas em que a pessoa tatua não uma frase simples, mas quase um romance inteiro nas costas! Hoje pela manhã mesmo vi nas costas de uma mulher a passagem de um Salmo bíblico e o nome do marido e dos dois filhos, para no final arrematar com um "amo vocês".

    Tá, prova de amor, devoção, homenagem, o que for... não tenho nada com isso, mas acho um exagero isso aí.

    Suas tatuagens são bem legais! :)

    Beijooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jaiminho, esse lance de tatuagem deve ser bem pensado mesmo, para não acontecer como o rapaz que vc citou. Pois é, marido e eu, depois de véios(levando em consideração que a molecada tatua ainda muito nova) resolvemos meter as caras na tatuagem . Mas, é pelos motivos que eu expus lá no blog, pelo fato de que hoje temos grana pra bancar e temos a vontade que é grande demais e hj sabemos que não iremos nos arrepender, pois escolhemos bem o tatuador e as tatuagens! (eu tbem tinha uma mãe delicada como a sua... kkkkkkk... dei trela com seu relato "ou sai voando ou esfrega até sair)...

      Esse lance de tatuar por devoção e amor, é muito complicado. mensagens tbem não! Tenho conhecidas que tatuaram o nome do namorado/marido e depois de alguns anos se arrependeram(ao findar do relacionamento)... uma até brincou que precisaria arrumar outro marido com a mesma inicial. Mas, brincadeiras à parte, é complicado pq lembra um momento que não voltará mais e muitas vezes traz até recordações que não são mais desejadas da mesma forma. Recordações essas que deram lugar à sentimentos nada agradaveis, em sua maioria.

      Porém, acho que se vc deseja fazer algo para homenagear seu filho(a), acho bacana. Mas, não curto nomes, nem citações. Minha opinião. Pretendo fazer um desenho que represente meu filho... quer algo diferente. Quero algo diferente e estou pensando nisso! Veremos...

      bjks

      Excluir
  39. Puxa vida... Quando eu morrer eu vou pro céu e minha mulher pro vale dos tatuados? Cuida dela quando vc chegar lá viu Joyci...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andrezinhoooo, eu ri tanto de seu comentário!!! Podexáááá que eu cuido da sua amada, lá no vaaaaaaaale!!! kkkkkk

      bjks

      Excluir
  40. TENHO VONTADE DE FAZER TATUAGENS. MAS AQUI NO NORDESTE, O PRECONCEITO É ENORME. MUITAS QUESTÕES MORAIS E RELIGIOSAS AINDA PERMANECEM. MAS QUANDO EU TIVER MINHA CASA, VOU FAZER LOGO UMAS 3 DE CARA.

    FELIZ 2012 E PASSA LÁ:

    http://thebigdogtales.blogspot.com/2011/12/era-noite-parte-02.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente ainda passamos por essas babaquices de preconceitos em relação aos tatuados, Lillo... mas, eu já não me importo mais, há long time! Como eu já disse muitas vezes, esse moralismo barato e falido me irrita profundamente! O lance é passar por cima... valeu pela visita. bjks

      Excluir
  41. Hey :)
    Gostei do post *-*
    Realmente,tem que ser algo bem pensando...
    Já pensei em fazer uma tattoo ou pra Amy Lee ou pro Corinthians...sei que não vou me arrepender pois são as pessos/coisas que mais amo no mundo *-*

    Beijos e tudo de bom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, conversamos sobre isso, né!? O importante é ter certeza de que não vai se arrepender... ;)

      bjinhos

      Excluir
  42. Oi Joicy, eu sei que a gente já falou sobre esse assunto, mas foi muito esclarecedor prá mim ler sobre sua experiência com suas tatuagens, e tbém os comentários. Quer dizer que borboleta é clichê de mulher? Eu dei muita risada sozinha. E vc nem me falou nada einh?! O motivo, se um dia eu tiver coragem de fazê-la, é que a borboleta representa mudança. E que mudança! Ela é uma lagarta horrível e se transforma numa linda borboleta, e tem que ser pequena, vc já sabe porquê. Bjão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu... bom, clichê é tudo o que acaba virando lugar comum. Nem todo mundo faz uma tatuagem por causa de um sentido/significado, então quando fala-se sobre as borboletas terem se tornado algo clichê, se refere ao fato de que toda mulher, geralmente, quer as borboletas. Não falei nada sobre essa questão de ser clichê, pois é muito complicado a gente meter o "bedelho" nesse tipo de escolha, que é algo tão pessoal. O que eu defendo é que cada um deve fazer aquilo que realmente deseja e se esse desejo é fazer uma borboleta, tendo em mente essa significação que vc citou, que assim seja, sem se preocupar com mais nada. ;)

      Deixa eu te falar uma experiência minha, por exemplo. Uma pessoa, certa vez viu minhas tatuagens e comentou que já havia visto muitas flores, rosas e estrelas tatuadas, porém, quando viu as minhas ressaltou que nunca tinha visto uma assim, com esse conjunto diferente e tão bem escolhido(as duas rusas tão reais, com estrelas). O mesmo ele disse do meu gato. Bom, eu pensei muito tempo antes de escolher algo que eu realmente queria e como seria a tattoo... eu, particularmente, não queria algo que fosse igualzinho o que vemos o tempo todo e por isso fui atrás de uma rosa real(foto) e queria tbem as estrelas... enfim, saiu o que vc vê nas fotos. Já estou pensando na próxima... rsrsrsrs

      bjinhos :)

      Excluir
    2. Nem imaginei que vc responderia rápido aos posts antigos, me surpreendi ao ver sua resposta, como sempre muito esclarecedora, mas vc poderia ter me dado uma dica pelo menos (kkkkkkk). Estou pensando seriamente no assunto, o Marcos vai surtar (kkkkkkkk), mas tem esse significado mesmo prá mim, e acho que já sou bem grandinha,já passei da idade de me arrepender. Mudando de assunto, hoje eu passei o link do seu blog prá uma sobrinha minha, ela é fã da Mafalda e é muito inteligente tbém como vc, acho que ela irá gostar do seu blog. Bjão.

      Excluir
  43. Oi Joicy, primeiro tenho que dizer que é um prazer estar aqui e ler seus textos e que sua família é muito linda, parabéns pelo seu niver e de casamento também, felicidades para sempre.
    Tenho um acontecimento engraçado em minha vida, sempre tive vontade de fazer uma tatuagem, pelo fato de também ter uma família super contra e depois que casei também veio o marido que mais era dono do que outra coisa, separei-me, levei um ano para perceber que era minha dona, então fiz uma tatu já coroa, escolhi três corações, representando minhas duas filhas e meu neto, localizadas no pescoço próximo da orelha.Alguns anos depois conheci meu atual marido e quando nos sentamos para conversar ele começou a detonar pessoas tatuadas, levantei meu cabelo e lhe mostrei minha tatuagem, perguntei o que ele achava dos meus corações, ele todo sem jeito disse que eles eram bonitinhos,kkkkkkkk, estamos a sete anos juntos e ele continua com a mesma opinião, mas aprendeu a respeitar minhas escolhas e a respeitar quem as tem. Gostei de seu texto e por aconselhar as pessoas a pensar muito bem, não há arrependimento,nunca o tive, fiz na hora certa.Lindas tatuagens , Parabéns.

    ResponderExcluir

Olá! Faça seu comentário!

Mas, NÃO DEIXE DE LER A POSTAGEM! ;)

Sinta-se a vontade!!! Sacomé, né!? Se você leu e chegou até aqui, não custa nada comentar... :)