25 de jan de 2012

Cuidado para não virar um videotinha!!

Olá, queridos blogueiros e queridas blogueiras...

Estava planejando minhas aulas para a semaninha que se segue e, ao buscar alguns livros de literatura infantil me deparei com um livrinho chamado "No Tempo Em Que A Televisão Mandava No Carlinhos", da sabida e queridona Ruth Rocha, livro esse que sempre leio para meus alunos. Excelente! Foi interessante pois me lembrei de algumas coisas que têm se tornado motivo de debate nas rede sociais.



Seguinte, essa semana esbarrei com uma campanha que tinha como chamada a seguinte frase "Dia 25 de janeiro sem Globo"... Por mim, não faz muita diferença, pois raramente assisto canal aberto. "Peraí" eu não sou uma desinformada, ok? Só não sou adepta da RedeBobo e demais emissoras. Não gosto de novela, não assisto BBBabaquice... Noticias eu acompanho pela internet e outros meios(muito raramente vejo JN ou outros jornais do canal aberto...), filmes e seriados eu vejo nos canais fechados ou baixo da net(apesar que tem uma tal de Sopa estragada aí que anda querendo cortar o barato geral, né!? Abre o olho!!!)... então, essas emissoras de TV aberta perderam total importância para mim há muito tempo. Porém, deixo claro que essa postagem NÃO tem a finalidade de levantar a bandeira para essa campanha de hoje. Foi só um ponto que achei pertinente comentar, já que foi um dos assuntos que gerou debate.

Porém, faço uma ressalva, mesmo eu tendo falado que uso a tal internet, sei que essa tbem é um meio(e como!) de receber muita futilidade... está aí a Luiza que não me deixa mentir. Celebridades(que de célebres não têm nada) surgem diariamente, com a mesma rapidez com que desaparecem.

Até cheguei a comentar com o amigo José Bruno(olha vc de novo... vai virar sócio do Umas e outras... rs), que as raras vezes que assisto televisão ou as inúmeras vezes que acesso internet tenho consciência de filtrar as coisas que chegam até mim. O problema é que a maioria das pessoas não tem essa consciência! A mídia por si só não aliena ninguém, as pessoas que se deixam assim levar. Pessoas essas que recebem esse vendaval de informações e simplesmente colocam como verdade absoluta. No entanto, aqui entra uma questão muito séria sobre a importância da educação, para mudar essa realidade. Educação que por sinal, nem preciso dizer, ainda está pra lá de abandonada no Brasil. Fala-se tanto em formar cidadãos críticos, questionadores e que tenham consciência de que são seres ativos na sociedade, no entanto na prática tudo isso ainda está muito longe de se tornar realidade! Há muito o que evoluir... por isso não adianta eu vir aqui e dizer que vejo canal fechado e não preciso da RedeBobo, RecordMacedo, SivioBT e afins e cruzar os braços. É um assunto pertinente e que deve ser discutido sim. A coisa tá feia... e tende a piorar!

Deixo então, uma canção infantil da queridinha Bia Bedran! Chama-se Videotinha... Quem não quiser ouvir a música, leia a letra... muito bacana!

O Videotinha

Bia Bedran

Se você só vê tevê, e não lê
Cuidado com ela,
que a vida não é igual a novela,
não é não, não é igual à novela...(refrão)

Conheci uma garotinha
que virou uma videotinha
sua cara foi tomando, 
o formato da telinha...

Quase já não conversava
Com os amigos nem brincava
Porque só lhe interessava
O que a tevê dizia

Desliga a tevê!
Desligo não!
Quero falar com você!
Não falo não
Venha ler
Não leio não
Eu só quero a televisão
(refrão)

Conheci um garotinho
Que virou um videotinha
Sua cara foi tormando 
o formato da telinha

Quase já não conversava
e muito menos estudava
Porque o era o videogame
tudo o que ele fazia

Para de jogar!
Não paro não!
Você vai endoidar!
Não endoido não!
Vem conversar,
Não quero não
Estou ligado na televisão
(refrão)

A leitura é uma aventura que você faz sem sair do lugar
Não tem videogame não
Nem computador
Pra inventar histórias
Só o escritor!


Fecho a postagem com uma alfinetadinha da Mafaldinha... aquela danada!

71 comentários:

  1. Nossa joyce eu não sabia dessa de "25 de janeiro sem globo". Deve ser mais um protesto contra o bbb. Não vejo motivos para tanto, quem não gosta, simplesmente não é obrigado a ver, não concorda?
    Eu admito que sou viciado em big brother! Ótimo post. Bjs :*

    http://monteolimpoblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gabriel... na verdade só comentei sobre a "campanha" por causa da postagem em si... nem era finalidade divulga-la por aaqui. Olha, eu sou adepta do qeu vc falou, não quer ver, não veja... não é obrigado! Mas, sabe, o ponto chave da minha postagem(se é que posso dizer assim) se refere ao fato de que as pessoas não tem senso crítico para assistir o que a TV nos joga. Sou professora e sei que meus alunos assistem programas, inclusive, que nem é para a faixa etária deles. Por isso comentei sobre a questão da educação. Nem me referi ao BBB, somente... mas, tudo o mais. É um assunto delicado e nada simples.

      Ah, sobre BBB, não consigo assistir. Acho um programa de péssimo gosto e sem naaaaada a acrescentar...

      beijinhos

      Excluir
  2. Olá, querida Joicy!

    Ah, Ruth Rocha e Mafaldinha, lembrei-me dos bons tempos da infância, cheirinho de biscoito, banana e laranja na lancheira...
    Bem, assisto os jornais da TV aberta e alguns programas mais culturais da TV Cultura e Rede Brasil.
    É um problema ainda não te TV por assinatura... Confesso.

    T.S. Frank
    www.cafequenteesherlock.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Frank... tudo bem? Realmente, Mafalda e Ruth Rocha nos leva a um tempo maravilhoso. Saudades...

      Confesso que em tempos de internet, nem os canais por assinatura andam muito em alta, para mim... ficou tudo muito mais fácil, agora. rs

      bjinhos

      Excluir
  3. Obrigada por resumir tudo o que eu penso sobre a alienação da tv.
    Eu tive um professor na faculdade que pegava pesado com esses conceitos e me fez refletir sobre como as pessoas são facilmente enroladas por emissoras que se intitulam "donas da verdade".
    Sinceramente, no que depender de mim, prefiro deixar a tv desligada e economizar energia elétrica!
    Beijos

    http://giselecarmona.blogspot.com/
    @giselecarmona

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gisele, há muitos anos que não me prendo mais a televisão... sobre regletir sobre essas questões de como receber as tais "verdades" jogadas pelas emissoras, só tendo visão crítica para conseguir. Sabemos que a grande maioria não tem. Vou continuar torcendo para que essa realidade mude. Eu estou tentando por meio de meus alunos e meu filho. Passos de formiguinha, eu sei! rsrsrs

      bjinhos

      Excluir
  4. Nos idos tempos de 1991 quando terminei o curso de jornalismo o que mais se comentava era a tal "leitura crítica da comunicação", tava mais do que na moda este assunto em qualquer debate, congresso ou curso de extensão entre comunicólogos... e não faltava gente para entrar nas vilas ensinando as pessoas a verem tv com o senso crítico pendurado no pescoço... rssss

    Nessa época, a internet nem existia aqui no Brasil (só algum tipo de intranet) e a tv paga era ainda considerada um futuro distante.

    Tudo mudou (evoluiu!?!), até a vontade dos colegas jornalistas em debaterem assuntos que promovam discussão sobre a mídia com a população.

    Isso é ruim? É bom? A contar pela quantidade de "rastilhos de pólvora midiáticos" que andam por aí o senso crítico caiu por terra, mesmo.

    Como disse em outros espaços da internet, não julgo, condeno ou critico a população. Mas quem sabe os educadores e comunicadores possam ajudar as pessoas a assistirem tv, ou estarem na internet sem ficar com a cabeça no formato das telinhas (ou telonas! rssss).

    A questão não é o boicote, mas assistir, conversar, falar, ... e muuuuuuuuito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bel, ótima retrospectiva!

      Sou professora e vejo que a clientela que atendo assiste TV sem controle algum de classificação indicativa. Detalhe, meu público alvo está entre 6 e 10 anos. Onde está o problema? Na família... assim como vc, tbem não critico. Por isso devemos mesmo acreditar que um dia, pela educação, formaremos cidadãos realmente mais críticos e capazes de saberem o que estão "digerindo". Principalmente, saberem que em tempos de BBBs, Luizas, Quadrigêmeos, outras coisas importantíssimas estão sendo deixadas de lado.

      Vc finalizou perfeitamente "A questão não é o boicote, mas assistir, conversar, falar, ... e muuuuuuuuito!"... com chave de ouro! Nem preciso acrescentar!

      Grata pelo ótimo comentário... ;)

      bjinhos

      Excluir
  5. A televisão me deixou burro muito burro demais!
    Os Titãs falaram isso nos anos 80... Eles estavam corretos né minha amiga Joicy?

    Bela postagem. A Mafalda do Quino é show mwsmo né? Hahahahahahahaha.

    Você escreve bem e espontaneamente!

    Um beijão e fica com Deus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andreziiiinho, Titãs sabia das coisas quando escreveram isso! ;)

      Ah, Mafalda sabe como colocar os pingos nos is, né!?

      Obrigaaaaaada, queridinho...

      Beijos

      Excluir
  6. Que coisa mais linda essa poesia da Bia e vem bem oportunamente para as crianças que devem se dar conta disso. Adorei!! beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica, a Bia é uma queridinha muito inteligente... suas letras são uma coisa linda de se ler! Muitos ensinamentos...

      Beijosss

      Excluir
  7. Joicy,
    é....
    daqui há pouco todo mundo vai ficar com o rostinho quadradinho...
    o jeito é tentar em casa, para pelo menos criarmos nossos filhos como uns "videoespertinhos"!
    Muito bom o post!
    Beijosss e obrigada pela preocupação com minha filhota!

    CÂMBIO DESLIGO __________

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cissinha... do jeito que as coisas andam, daqui a pouco farão chapéus em formato quadrado e retangular! :/
      Vamos a passinhos de formiguinha, tentar fazer a diferença com nossos pequenos, né!?
      Obrigada... bjiiinhos pra vc e pra princesinha

      Excluir
  8. Perfeito o seu texto Joicy. Concordo com vc em gênero, número e grau. A TV por si só não é alienante, ela só tem todo esse poder de manipulação por falta de cultura e educação do povo. Pra mim, o dia sem Globo foi um dia qq pq todos os dias pra mim são sem Globo. Vou além de vc, não assisto nem canais abertos, nem fechados. TV pra mim só pra assistir um bom filme mas eu apenas "não tenho paciência pra televisão" como cantam os Tribalistas, no entanto, esta não tem o poder de me alienar pq tenho senso crítico e se toda a população tivesse, não seria tão fácil a manipulação.
    Parabéns pelo texto!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, Camila... vc complementou direitinho o que eu escrevi! Essa falta de cultura e falta de educação são os grandes vilões!!

      Obrigada pela visita e pelo excelente comentário! bjiinhos

      Excluir
  9. Oi Joicy,

    Concordo com você e pra ser sincera só assisto o Fantástico, mas só entendo que pelo menos há uma previsão sobre o que vem na semana. Só uso a TV para os seriados que acompanho, música e filmes. Todavia, a globo ainda influencia em uma parcela significativa da população e deverá nos próximos anos continuar, mesmo ascendendo a classe média.

    Emfim, tenho um filho que ultrapassou também a barreira da globo e como ele é da geração Y, vejo que há esperança.

    Beijos.

    Lu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, tudo bem? Nossos filhos já nasceram nessa geração e com certeza são muito mais "expert" nesse assunto do que nós... mas, fico me perguntando se estamos conseguindo lidar com nossos filhos no sentido de orientá-los a não se deixarem levar por tudo o que aparece. Não queremos adolescentes e jovens repetidores do que se passa nas mídias sociais e afins. Por isso, ainda há muito o que se rever, pq senão voltamos ao mesmo problema.

      Bjiinhos

      Excluir
  10. Antes de mais nada .... acabei de cantar a musiquinha da videotinha pra minha filha \o
    Bom, eu nunca fui noveleira, mas gosto de televisão, ainda curto ver filmes tanto em canais abertos como em canais pagos, e as séries e tal, pq nem sempre tenho como comprar , ou mesmo "baixar" ( falando baixo por causa do FBI ).
    Mas sempre tive um feeling pra filtrar as coisas, como nuca fui noveleira então nunca dei muito "bola" pra globos e tals.
    E qd a coisa tá muito em mídia,qd os assuntos estão muito "BBBs" da vida não me chamam atenção.
    Acho que meu jeito meio de ver as coisas com ótica Woodstock, ou como diz minha mãe " Viviane só saber ver as coisas do jeito sobrenatural dela, só pensa em vampiros", mas não é isso, não só penso em sobrenatural, mas não pensar de forma "global" me ajudou a passar essa régua nas coisas inúteis.
    Não sei se estou sendo coerente, o calor está inchando até meu sovaco, então Joicy , só digo que entendi o que vc escreveu, e compartilho de sua opinião, e espero que entenda o que escrevi, não sei bem, acho que meio viajei nos meus pensamentos depois que li os teus o.O

    Beijinhos querida, some mais não *.*

    Viviane

    http://vivianeblood.blogspot.com/2012/01/resenha-os-sete.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vivi... entendi sim! Nào se preocupe... por falar em calor, aqui tbem está insuportável! arrgh!!!
      bjiiinhos

      Excluir
  11. Achei legalzinho o video, e quando comecei ouvir meu sobrinho veio até meu quarto pra ver. Quanto ao lance da Globo, nem sei se vai rolar mesmo, essas campanhas da net são tão furadas. A Luiza é o cumulo da futilidade, e do não saber usar com inteligencia, a comunicação que temos com as redes sociais !
    e sim minha amiga..educação zero !

    Um beijo e fica com Deus !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O video estava numa qualidadezinha ruim... hiper mega amador! hehehe... mas deu pra ouvir a queria Bia. rs... que fofo seu sobrinho correndo ouvir! Sobre a questão do boicote, nem me preocupo muito se dará certo ou não. O mais provável que não. Porém, desejo muito que as pessoas se tornem politizadas e passem a não aceitar tudo o que é imposto nas mídias(quaisquer que sejam!)... assim como tbem desejo que a educação saia dessa fase tão deprimente em que se encontra.

      Grande beijo... ;)

      Excluir
  12. Bacana suas palavras..achei bem interessante...nao concordo com algumas coisas mias ta valendo...!
    show..adorei seu blog!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leandro... obrigada por passar aqui. Volte sempre... se desejar pontue as partes que vc não concordou. Poderíamos debater e enriquecer o assunto!
      bjk

      Excluir
  13. Olá! Bom dia! Penso que a TV por si só não é alienante, ela "tinha" esse poder de manipulação por falta de cultura e educação do povo.Disse "tinha", por que esta nova geração (Y/Net) está mais consciente.Muito em parte às Redes Sociais, que como qualquer "modismo"(?), tem seus defeitos e efeitos.Quanto ao dia sem Globo foi um dia como todos, porque não assisto nem canais abertos, nem fechados. Prefiro ouvir meu "joguinho" pelo rádio, on line,é claro! Sobre o "quadrinho"! Serviu para elucidar bem seu texto. Belo texto por sinal!Acho que é isso!
    Boa quinta!
    Beijos carinhosos!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felisberto... acho que em nenhum momento, a TV por si só foi alienante, uma vez que essa alienação acontece pq as pessoas permitem(seja hoje ou antigamente). Inclusive comentei isso na postagem... Por isso eu apontei a questão da educação. Sou professora e percebo que mesmo com essa nova geração Y/Net as mídias continuam sendo uma grande forma de alienação... não mudou muito(não podemos nos esquecer que a própria internet pode ser um meio de alienação). Sabe o que mais me preocupa? A forma como os adolescentes recebem essa gama de informações que a net apresenta. Não adianta somente estar inserido nesse meio(ou ter nascido nele), temos que saber o que fazer com o que ele nos oferece e por isso abordei sobre a televisão e tbemmmm pincelei sobre a internet... é bem como o Jaime expos no comentariããããooo dele.

      bjinhos

      Excluir
  14. Eu vi essa campanha uns dois dias atrás, para mim não passa de uma grande idiotice com elevado teor de hipocrisia.

    É muito raro eu assistir televisão, mas tem sim alguns programas que sempre que possível eu acompanho como o "Clássicos" da Cultura que vai ao ar nos sábados (concertos de orquestras e documentários sobre os grandes compositores do erudito), "Metropolis" também da Cultura que é diário (arte e cultura em geral) e o "Olhar Digital" da RedeTV que passa aos domingos (voltado para informática e suas diversas áreas).
    No mais, noticias não me faltam na internet e o que se vê de reportagens inúteis nos telejornais não é brincadeira. Filmes e séries baixo na net (apesar de isso estar com os dias contados devido as grandes gravadoras terem sabotado o megaupload que virou um efeito "bola de neve" rs).
    Porém não dá para negar que a televisão continua tendo grande influência na população com o poder de influenciar e modificar seus hábitos e seu comportamento. Nunca foi esclarecedora e sempre foi e parece que sempre será um instrumento opressor e "amortecedor" de opiniões. Enquanto a televisão continuar nas mãos de uma minoria politica dominante será sempre assim.

    E é belo o poema! Ainda não conhecia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Manfiiiioooo... que saudades de vc, querido!!! Bom ver vc por aqui!

      A primeira frase de seu comentário é bem sua cara... radicaaaal! ahahahahahaha... mas, concordo contigo.

      Sobre a TV cultura, lembro quando meu filho era pequeno, quando assistíamos tooooda a programação infantil dessa emissora. Que coisa mais linda. Eu era encantada mesmo. Como não tinha canal fechado, acabava sendo a única opção para meu filho. Depois que fizemos assinatura, isso mudou(não que no canal fechado não tenha porcarias, mas há mais opções)...

      Vc falou sobre essa questão da TV continuar sendo manipuladora e opressora, é fato... por isso ainda acho que nossas crianças e adolescentes precisam saber lidar com todas essas informações que chegam até eles...

      bjinhos

      Excluir
  15. Joicy!

    Este assunto muito me interessa. Sim, tem algo a ver com o que escrevi lá no meu humilde bloguezinho. Eu volto depois - promessa e ameaça rsrs - para comentar melhor sobre isso.

    Bjks!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiii Jaiminho... li seu comentariããããããão ali embaixo... como a semana foi punk, com o retorno às aulas, deixei para responder os coments nesse final de semana. Mais tarde volto... bjjjjuuu...zinhos

      Excluir
  16. Oi Joicy!
    Você fala da Mafalda (que aliás apavora), mas você também é muito danada. Seu post foi excelente. Eu era muito viciado em tevelisão (falava assim quando tinha 7 anos), mas desde que comprei um notebook comecei a ver cada vez menos, apenas um programa ou outro, como o CQC. Passei a enxergar a face de cada uma das emissoras e a ver só o que me faz rir. Na net não perco muito tempo com besteiras, vejo algumas notícias, posto no blog, leio outros blogs (como o seu), mas confesso que o facebook consegue me prender...
    Acho que toda essa tecnologia deixou as crianças preguiçosas, bom era quando brincar de carrinho e jogar bola, de boneca e de casinha era a coisa mais divertida que havia.
    Bjuss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olááááááá, meu amigo! hahahahah... a MAfalda e eu somos danadas mesmo, né!? Mas, ela consegue ter umas ideias melhores. heheheh... Cada uma que nos deixa de cabelo em pé! adooooro!

      Pois é, seria bom se todos conseguissem selecionar bem o que assiste. Ou, pelo menos, não receber tudo o que veem como verdades. As vezes penso que o ser humano, apesar de se achar muito "fodão", é muito ingênuo(eu ia usar a palavra burro, mas achei muito forte).

      Sobre a criançaXtecnologia, só acho que há um grande exagero nesse uso. Sou totalmente a favor desse crescimento tecnológico. Porém, as famílias não estão sabendo como fazer uso disso, em casa. É bem como a Bia disse na canção "Videotinha"... bjkssss

      Excluir
  17. Joicy, que bom que nossas conversas estão lhe servindo de inspiração, pois é nós já somos mesmo quase sócios, já perdi a conta de quantos posts do meu blog foram resultados de indicações e inspirações que vieram de você ("A Insustentável Leveza do Ser" e "American Horror Story" são só alguns deles)...

    Eu concordo plenamente contigo sobre a questão da alienação midiática, na faculdade estudei sobre as teorias clássicas da comunicação, a primeira delas é a "teoria hipodérmica", que surgiu na Alemanha nazista, esta teoria pressupunha que na comunicação de massa os receptores (aqueles a quem a comunicação é direcionada) estariam condicionados a reproduzir os efeitos esperados pelo emissor das mensagens, de certa forma muita gente acredita até hoje nesta teoria que já está ultrapassada... teóricos que vieram depois passaram a estudar o comportamento do receptor e concluíram que sua resposta à mensagem midiática está relacionada ao seu psicológico, às relações que ele tem e à sua bagagem cultural e intelectual, isso comprova a nossa posição de que não é a mídia que aliena e sim os espectadores que se permitem ser alienados...

    Concordo com você também, que só mesmo uma educação de qualidade, que realmente incentive os alunos a pensarem e questionarem as coisas à sua volta, será capaz de provocar mudanças concretas na forma com que interagimos com a mídia de massa...

    Lhe recomendo as músicas abaixo:
    http://letras.terra.com.br/ratos-de-porao/237890/
    http://letras.terra.com.br/rodox/75597/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. J. Bruninho... nossas conversas são sempre demais. Aprendo muitíssimo com vc!

      Sobre essa alienação midiática, achei super interessante isso que vc escreveu a respeito da "teoria hipodérmica". Tanto que fui pesquisar a respeito e fiquei pasma. Faz muito sentido. Por essas e outras não podemos continuar com essa educação precária que temos em nosso país. Se queremos seres humanos capazes de questionarem conscientemente o que está à sua volta, essa realidade precisa mudar, para que "sua bagagem cultural e intelectual" seja uma arma a favor deles e não da minoria que detem o poder, certo!?

      Obrigada por me trazer conhecimentos interessantes acerca desse assunto!

      bjuuu...zinhos

      Excluir
  18. Oi, Joicy! Voltei! Eu disse que voltaria! rsrs

    Bom, vamos lá...

    Como diria o ex-presidente Lula, nunca antes na história da humanidade o homem encontrou tantas formas de entretenimento, sobretudo entretenimento eletrônico. O que não é ruim, afinal quem não gosta de se divertir e ainda mais nestes tempos em que trabalhamos demais? E o entretenimento ou jogos e brincadeiras são necessários - além do "homo Sapiens", temos o "homo Ludens".

    Mas aí entram os exageros. Quanto tempo uma criança passa na frente da TV em média diariamente? E na frente do computador? No caso da TV a capacidade de abstração e formação de opinião das crianças começa a ficar comprometida. Não é de se esperar que tenhamos adolescentes e adultos repetitivos e seguidores de clichês e do "senso comum".

    Prato cheio para a Globo, para a Record, para qualquer emissora de TV impor seus pontos de vista. O pessoal pega no pé da Rede Globo porque é de fato a "poderosa", a maior emissora de TV do Brasil e o histórico dela, sem dúvida, é podre. Se relembrarmos os fatos e notícias que a emissora realmente manipulou em passado recente, passamos dias e dias. Dica: assista ao documentário "Além do Cidadão Kane" que mostra tim-tim por tim-tim as relações da Globo com o poder. Produzido, obviamente, pela BBC. ( eu acho que a emissora de Edir Macedo ainda PIOR do que a emissora dos Marinho, mas deixo isso para outra hora)

    Eu acho que com a internet isso pode mudar, de certo modo. Evidente que há muita bobagem nas redes sociais, mas filtrando direitinho as informações,melhora bastante: este caso da ação da PM paulista na ocupação do bairro Pelourinho é um exemplo muito claro. Enquanto a PM divulgava nota repetida por jornais e telejornais dizendo que a ocupação foi "pacífica" e "com pequenos distúrbios" causados por vândalos (!!!), as pessoas mandavam fotos, vídeos e relatos do que estava acontecendo de fato por lá, bem diferente do que os "orgãos oficiais" anunciavam e a própria "imprensa grande". Não é à toa, Joicy,que temos circulando no Congresso Nacional brasileiro o PL 84/99, mais conhecido como PROJETO AZEREDO, o SOPA BRASILEIRO, que sob o disfarce de "anti pedofilia e anti pirataria" quer, na verdade, restringir a liberdade de expressão na internet. Fiquemos atentos!

    Bjks!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Jaiminho... commm certeza são mesmo muito necessárias as formas de entretenimento. Eu por exemplo, preciso disso para não enlouquecer! rs

      Você disse tudo, jaiminho... os exageros são o grande problema. Em relação às crianças, digo que esse exagero se dá pela falta de tempo(de qualidade) e paciência que os pais têm apresentado à cada dia. Quem educa a maioria dos filhos, nessa sociedade moderna, são os computadores, televisores e professores(lembra da transferência de funções? Vc bem sabe como a escola tem se tornado alvo desses pais que delegam a função de educar para nós professores. Tá, não vou fugir do foco... foco, joicy! rs). Está tudo virado de ponta cabeça. Preciso "negritar" essa frase "adolescentes e adultos repetidores e seguidores de clichês e do senso comum"... sem mais para acrescentar sobre isso. Vc expôs muito bem.

      Eita, não assisti esse documentário... anotadíssimo. Irei assistir! Ahhhh, com certeza a emissora do Edir Macedo é uma porcaria mesmo... tão manipuladora(ou maisss) do que a redeBobo. Podre!!!

      Todas essas qestões de manipulação de informações(como a do bairro Pelourinho) acontece há long time ago... como vc disse, há muita coisa boa com as redes sociais(que eu gosto muito) e essa divulgação da outra versão dos fatos é uma das melhores coisas que podemos ter. De certo modo, esses canais terão que abrir o olho sobre como abordam certas notícias. Esse projeto Azeredo é, de fato, um risco que estamos correndo. O pior é saber que a maioria das pessoas não sabem disso.

      Adorei o comentariãããooo... bjinhos

      Excluir
  19. Joicy, resolvi colar minha resposta ao seu comentário em meu blog porque creio ter alguma relação.

    =====

    Oi, Joicy!

    Para nós, educadores, que estamos diante da geração ctrl C + crtl V, é fundamental que tenhamos a compreensão do que está acontecendo nos meios de comunicação e como isso tem alterado os "modos de aprender", digamos. Porque o aluno de hoje é bem diferente daquele aluno de 20 anos atrás: o professor era realmente o "centro", o detentor das informações. A competição (!) com a TV não era (ainda) tão acirrada e um professor conseguia dar seu tempo de aulas ( 50 minutos) com alguma tranquilidade.

    Hoje, o que é este "tempo pedagógico"? Sabe quando foi determinado que "50 minutos de aula" é suficiente para o aluno "pegar" os conteúdos? No começo do século XX, lá pela década de 10! Em um tempo absolutamente diferente do nosso. Por isso há esse descompasso: professores que devem NECESSARIAMENTE cumprir esta carga e alunos com aquele TÉDIO de aguentar uma aula de 50 minutos - a não ser que o professor utilize novas metologias, atrativas, utilizando as tecnologias e aquilo tudo que já sabemos.

    Mas aí você percebe o descompasso da ESCOLA - acusam aos professores de serem despreparados, o que é uma mentira: é um das categorias profissionais que mais procuram atualizarem seus conhecimentos, sem puxar farinha pro nosso lado. A Escola continua com o mesmo tempo de aula, a mesma carga horária aos professores, as mesmas diretrizes curriculares das décadas de 10, 20, 30 do século passado! Hoje o que acontece na China NESTE EXATO MOMENTO já está no Smartphone do aluno. Antes o que saía no jornal de amanhã era novidade.

    Então por isso mesmo temos que orientar aos alunos como lidar com essa caótica internet e toda essa gama de informações que ela despeja a cada segundo via redes sociais, sites, blogs, e-mails, vídeos, etc.

    É quase um trabalho de Sísifo para os professores, mas vamos tentando, não é?

    Bjks! Vou passar por lá sim! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jaiminho, queridinho! Isso se resume numa frase que ouvi há muitos anos... No mundo, tudo mudou com a evolução... menos a educação. Continua tuuuuudo do mesmo jeitinho, JAime! O pior? É quererem culpar os professores por esse "empacamento"...

      Seu comentário é esclarecedor!!!

      Com certeza, esse saber lidar com a "caótica internet" é importantíssimo para termos alunos que saibam filtrar mesmo as informações que chegam até eles e não se tornem os tais repetidores e seguidores, como vc citou no comentarião anterior!

      Enquanto isso, vamos continuando com nosso trabalho "rotineiro e cansativo"(sim, eu pesquisei quem foi Sísifo! Papai "Gúgol" me ajudou!!! kkkkkkk...)

      bjuu...zinhos

      Excluir
  20. Nossa Joicy, dessa vez vc se superou! Vc tava inspirada einh?! Não se esqueça que eu que te dei a dica prá vc levantar a lebre no seu blog. Concordo plenamente com vc quanto aos programas, não posso dizer que eu e meus filhos não assistimos TV, na época que o Daniel era pequeno não tínhamos TV fechada então era só Cultura, nunca entrou Xuxa dentro de casa, e agora que temos TV fechada temos mais opção, mas sempre impomos limite, para video game tbém, tanto que vc sabe que ele é músico de primeira com onze anos, e eu só assisto filmes e algumas séries. Em casa incentivamos a cultura sempre. O Fernandinho já lê com cinco anos, aliás ele adora ler. Nós levamos nossos filhos ao teatro e para ver Orquestra tocarem, além de saraus de poesias. Eu sempre falo prá eles não acreditarem no que passa na TV, é até engraçado, quase tdo que passa na TV o Fê pergunta prá mim se é verdadeiro ou não, eu tenho que dizer, as vezes até na propaganda, eu tenho que falar, pque ele acredita em mim, e não sabe a diferença (kkkkkkkk). Tá passando uma propaganda, daí ele pergunta: Mamãe isso é verdade? Daí eu respondo que as pessoas são de verdade, mas que foi gravado prá vender o produto. É claro que os governantes querem um povo que assista cada vez mais TV e leia cada vez menos, um povo com menos cultura é mais facilmente manipulado, infelizmente. Ah, vc sabia que a Mafalda é original de Buenos Aires? Tem até uma estátua dela lá. Já que eu sei que vc é fã dela quando eu fizer aquela viagem que eu sonho para lá, eu trago uma lembrancinha da Mafalda prá vc. (kkkkkkk). Mais uma vez parabéns, alguém tem que falar algo a respeito dessa alienação global, vc falou e disse. Bjão. Lú.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luuciana... demorei, mas aqui estou para responder! hahaha... a semana foi hard! Ah, com certeza o bate papo lá no face ajudou muito com essa postagem, apesar do assunto ter começado num debate no RostoLivro do José Bruninho... viu como as redes sociais nos trazem coisas boas!? rs... por isso gosto tanto daquilo ali! heheheheh

      Com certeza, temos mesmo que conversar muito com nossos filhos sobre essas questões que envolvem as mídias. Eles estão em processo de desenvolvimento, formação de carater e nós temos papel importantíssimo nesse espaço. É como eu disse para o Jaiminho, as crianças estão jogadas para serem educadas pelos televisores, computadores e professores, pelo fato de que os pais não estão sabendo como lidar com seu tempo(não me refiro a quantidade, mas qualidade)... falo isso com conhecimento de causa. Sou professora de crianças e percebo que os pais não estão cumprindo o papel de oferecer sequer o básico, na educação de seus filhos. A escola virou um grande depósito de crianças mal educadas pelos pais(sem querer generalizar, claro!!!! Sabemos que ainda há os que fazem parte do grupo que sabem bem qual o seu papel na vida dos filhos).
      Ahh, sim, eu sabia dessa história da mafalda(de onde ela é)... Foi realmente a grande criação do cartunista Quino! Ownnnnn... se vc for pelas bandas de lá, vou amaaaar a lembrancinha! rs ...

      Estou planejando comprar ainda esse ano o livrãããããão "Toda Mafalda".

      bju...zinhos

      Excluir
  21. Oi Joicy,

    Você tem razão, nossos textos têm na essência a mesma ideia, que é o recebimento de informação sem reflexão crítica. As pessoas vão tendo acesso a um bombardeio de mensagens, e frases, e pensamentos, e citações... realmente fica difícil parar para verificar a credibilidade de tanta coisa. E a gente acha que desligando a TV está livre de alienação... nada disso, a internet está cheia de casos fúteis, e mensagens vazias, pra não dizer danosas.

    Eu só gostaria que as pessoas desconfiassem de tudo, que pesquisassem primeiro e verificassem a veracidade de tudo o que pensam e dizem. Isso já seria um passo enorme pra avançar na direção de um país sério e com menos alienados.

    Grande beijo, gostei de conhecer o seu espaço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Almir, que bom receber sua visita!

      Esse recebimento de informações sem reflexão crítica é realmente um dos males da internet e TV. As mídias deveriam ser usadas como ponto a favor e não negativo, pois atinge a grande massa. Porém, sabemos por toda historicidade que essa não é a finalidade.

      Infelizmente, com a onda da internet a coisa tbem não mudou muito de foco, pois as informações passaram a chegar com uma rapidez tremenda e a forma como as pessoas recebem-na, continua igual, ou seja: mais informação, menos senso crítico = mais alienação. Porém, tbem não acho que desligando a TV ou o PC seja a solução. Aí entra a questão da educação. Se eu tenho um olhar crítico e questionador, não será fácil enfiarem qualquer abobrinha em minha cabeça.

      Adorei seu comentário! Volte sempre...

      bju...zinhos!

      Excluir
  22. Olá boneka!

    Saca só, te enviei um e-mail pro do gmail. Respondendo tua msgem do facebook.

    Sobre o tema abordado, eu não levanto a bandeira contra o BBB (pois esse programa há em diversos países do mundo onde a Cultura e a mentalidade é muita há frende da brazuca), não sou contra novela (pois acho uma arte fodíssima de fazer, assim como as séries), nem sou contra ratinhos etc etc.

    O problema não está nesses programas (já que são entretenimento e isso é fundamental em qualquer emissora do mundo de canal aberta), e sim na falta de programas culturais. Quem tem TV a cabo sabe como é ducaralheo ver um History ou um Discovery. Tem muitos programas fodalhões.

    Tem tantos programas nas grades televisivas que não dão ibope e que não agregam em nada, então poderiam substituí-los por algum programa de curiosidade ou educacional. Enfim...

    O pessoal reclama do BBB (eu não assisto), como se ele fosse o ano todo. O problema não é o BBB e sim o resto do ano da grade de programação.

    Esse é um assunto longo para ser debatido, mas resumidamente é isso que penso.

    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. JIMzinho, recebi o email... estou fazendo o lance! ;)

      Ahhh, eu não curto BBB, nolevas, ratinhos e outras porqueiras(como Zorra Total)... tenho outras formas de entretenimento, que a meu ver me deixam mais feliz!! Mas, tbem não sou do lance de achar que desligando a TV todos os problemas "se acabaram-se". Por isso acredito na importância de termos senso crítico. Com isso, não enfiarão goela abaixo toda informaçãozinha que chega até nós. O grande problema, Jim, é que a gama de informações, seja na TV ou internet, é grande demais e as pessoas(hoje minha preocupação maior é com as crianças e adolescentes... mas, sabemos que acontece com os adultos tbem) não tem conseguido lidar com isso tudo de forma ponderada. É como se tudo o que chegasse até essas pessoas, fosse recebido como verdade absoluta. Não há filtragem!!!

      Vc chegou num ponto muito importante, a quantidade(ou a falta) de programas culturais na rede aberta. Simplesmente não há!!!! Tanto não sou contra televisão que aqui em casa temos dois televisores e nos dois há canal fechado instalado... há coisas fantásticas(como o History e Discovery que vc citou... dentre outros mais)! No que depender de mim não perderei tempo com essas baboseiras que as emissoras de canais aberto apresentam, enquanto posso ter contato com outras coisas que, em minha opinião, são mil vezes melhores.

      Porém, um ponto importante é saber que muitas pessoas não tem acesso a esses canais "fodalhões". E sei que desligar a TV não será a solução. Estou me tornando repetitiva, mas como gosto de responder todos os comentários individualmente, vou continuar batendo na tecla a respeito da educação. Sejamos críticos ao recebermos as notícias e os programas que as RedeBobos, IgrejaRecord e outras mais enviam-nos.

      bjiiiiinhosssss

      Excluir
  23. Creio quedeva ser um ótimo livro pra você ler pros seus amigos. Uma forma de conscientiza-los sobre este fenômeno tão comum hoje, que é a alienação não apenas na TV, mas em qualquer outro meio de comunicação.
    Eu faço jornalismo e uma das questões que são estudadas e ideias suscitadas são bem por ai, sobre este assunto.
    Ótimo post, voltarei aqui mais vezes pra conhecer melhor o seu blog. Abç Joicy!
    Concordo com a Joicy. Lido e comentado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Andrezza... sim, um livro muito bom e meus alunos sempre gostam de ouvir! Para vc que faz jornalismo, com certeza está mais por dentro desse assunto do que eu, né!? Algo que, com certeza vcs discutem muito durante as aulas.

      Obrigada!!!! Volte sempre!! ;)

      bjinhos

      Excluir
  24. Ah.. eu tinha este livro!!!
    O triste é que cada vez mais eu vejo alguém comentar sobre certos programas e esquecer de experimentar a leitura...
    Eu cresci rato de biblioteca... Aquele cheiro de um livro guardado e repleto de uma nova experiência é a melhor sensação!
    Não que assistir TV deva ser algo proibido... Mas, dá para selecionar e tentar mesclar o tempo, neh?!

    ;D

    Adorei por aqui!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Karla, é um livro lindinho, né!? É verdade... a pessoas estão substituindo a boa leitura pelos televisores e computadores, cada vez mais!

      É esse selecionar e mesclar o tempo que está em falta...

      Obrigada por vir aqui... bjinhos

      Excluir
  25. Joyci!!!!

    Ah falou a verdade!
    Se bem que vc foi bem branda nessa questão.
    Tambem achei uma idiotice esse lance da Globo..a quantidade de gente que vai aderir é mínima perto da quantidade de gente que assiste ao canal então eles nem vão sentir a diferença.
    O lance da Luiza eu achei o ápice da idiotice. Diferente do "puta falta de sacanagem" esse ai não tem qualquer sentido de ser engraçado.
    Eu acho que o povão precisa saber usar melhor a internet.
    ASHHSc sim, eu confesso que peguei um pouco pesado com as autoras de Formaturas Infernais mas não resisti... olha que me controlei! O gozado é que logo depois de postar artigos onde critico detemrinadas obras sempre surge um comentário SPAM criticando alguma coisa que fiz XD. Coincidência? Acho que não!
    É voc~ê tem a mesma opinião que eu acerca do Alexandrede Stone...tipo ele exagerou em alguns pontos...pontos desnecessários..mas é um filme bom. Gostei de ver o divo Jared Letto com seus olhos azuis hipnotizantes rs. Fiquei com vontade de assistir o filme de novo agora...
    Nunca fui muito chegada á filmes brasileiros mas de uns anos pra cá o cinema nacional está criando boas obras então...posso arriscar ver.
    Por acaso vc comprou os filmes nas Lojas Americanas? Lá tem promoções ótimas e eu mesma já comprei diversos filmes por preços camaradas! Alguns foram até preciosidades!

    Eu não consigo me viciar no Facebook..e nem quero muito na verdade. Tenho ele mais para ver as atualziações de humor que o pessoal coloca. Especialmente tirinhas memes kkkkk.
    Eu entendo esse seu lance de falta de tempo..caramba! Agora vc vai ficar super atribulada hein? Va ficar numa situação que nem am inha, senão mais! Tipo a gente tem que conciliar os nossos lbogs da forma que der mas nunca abandonar!

    Ah legal vc curtir minha idéia do AF! Conversa com a familia sim! Seria legal encontrar você e de quebra tenho certeza que sua familia iria se divertir vendo tanta gente fantasiada no evento ^^. Vamos conversando ai vou te contando mais detalhes..tipo vc usa msn?

    É..eu adoro encontrar gente que curte as mesmas coisas que eu e olha que isso não é fácil! *.* Eu até acho super bacana o lance dos videos mas não tenho tempo para mexer neles e coisa e tal..vou ficando com o teclado e as fotos memso kkkkk.

    Ah Rammstein!! Eu gosto! Muito embora não conheça muitas músicas lembro que tocava nos rolês e eu sempre dançava kkkkk. Bom não sei se vc e seu marido sabem mas na Alemanha em julho tem o Wave Gottik Treffen, o maior evento de música gótica do mundo! Certamente a banda e muitas outras marcam presença...aquele evento é mais do que perfeito! *.*
    Se seu marido não quiser ir pra Europa..eu vou com vc! ahsahs de quebra vou levar um monte de visuh pra mim tirar foto! o/
    kkkk
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi TSUnâmica,

      Tentei não ser tão radical... rsrsrsrs... acho que a questão deveria ser focada em outro ponto, conscientização. Esses protestos vazios são sempre uma furada mesmo.

      O povão precisa saber usar melhor todas as mídias...

      hahahhahhaha... pegou pesado não, Tsu... vc só foi sincera e expos seu ponto de vista. Acho que na verdade nós acabamos ficando de saquinho cheio com tanta bobagem que anda surgindo por aí.

      Olha, super indico que vc assista mais filmes brasileiros. Tem alguns que são excelentes. Eu listaria nesse momento "O ano que meus pais saíram de férias", "Querido estranho", "Narradores de Javé", "Cheiro do Ralo"... vc já assistiu "Bicho de sete cabeças" e "Abril despedaçado"? Bom, pra começar indico esses. rsrs

      Eu comprei os filmes num site online chamado VideoLar... sim, nas Americanas a gente vê muitos filmes baratos... mas, nunca encontrei nada por menos de R$ 9,99. Realmente, R$ 1,99 foi um achado!

      Nem me fale de falta de tempo. Ainda estou me acostumando!!! Terei que organizar meus horários para conseguir conciliar tudo... principalmente para conseguir lidar com o blog. Ainda estou me acostumando com a rotina do dia a dia. rsrsrsrs Sinto uma necessidade imensa de entrar na net todos os dias. Ainda tenho a academia, a noite. Nossa... quero um clone jáááááááááááá!!!

      Quero começar a pensar nessa possibilidade de ir em Sampa em julho... tenho que ficar de olho nas passagens desde já, para comprar mais barato.

      Sabe como fiquei mais fã de Rammstein? Com uma galera da cena gótica, que conheço e curte demais. Como Rammstein está classificado como Metal industrial, rolava muito som deles em discotecagens que já fomos. O som dos caras é massa... adoro o visual deles, quando estão apresentando os shows. As pirofagias então, nem preciso dizer que acho tudo, né!? Fui ao show deles, tour 2010, em Sampa. Foi uma experiência maravilhosa!!!

      hahahahahahhahah... vamos pra Europa, então? rsrsrsrsrs... seria no mínimo, tudo de bom!!!!

      bju...zinhos!

      Excluir
  26. Olá Joyce linda (:
    Você conseguiu transformar em palavras todas as minhas ideias sobre esse assunto! É muito triste ver a forma como a mídia expõe tanta futilidade na mente das pessoas e mais triste ainda é vê-las interagindo com isso =\
    Ótima postagem
    Beijoos *:

    saahandradee.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sabrina, obrigada! Realmente triste tudo isso... espero que um dia as pessoas sejam mais críticas ao receberem tudo o que as mídias apresentam!

      bjks

      Excluir
  27. Joicy, excelente pauta! Quanto a televisão não vejo na separação entre as emissoras abertas e fechadas a razão de uma ser sem qualidade e outra ter. Há bons programas em canais abertos e nos pagos, como há programas ruins e sem qualidade nos pagos, como também nos abertos. A grande vantagem de se assistir aos canais fechados está no número de opções. Não nos esqueçamos que muitos dos canais fechados são controlados pelas mesmas empresas que operam nos canais abertos. Mas o debate que você nos entusiasma a fazer com esse poste é relevante e oportuno, pois a televisão tem influência nesse processo educacional. Não é determinante, porém, influente. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi PC... acho que quando falamos dos pontos positivos de termos canais fechados em casa é justamente pela gama de opções e assim podermos escolher programas que mais nos agradam. Aqui em casa, por exemplo, foi muito bom podermos ter essa opção, principalmente por causa do meu filho. Há uma riqueza de programas de qualidade, que acabamos nem sabendo o que escolher. Mas, é fato que há tbem as porcarias. Sem dizer sobre os canais fechados que são controlados(como vc bem disse) pelas mesmas emissoras de canais abertos. Essa questão da TV ser de grande influência no processo de educação de nossas crianças é nada mais nada menos do que responsabilidade das famílias que acabam não controlando o que os filhos assistem. Fato!

      Valeu demais por contribuir com seu excelente comentário.

      bjinhos

      Excluir
  28. Oi Joicy!
    A tv aberta está tão frívola. BBB ah fala sério, eu até assistia os primeiros, mas depois do 5 já deu. E como vc disse, essas celeridades de barro vem e vão do mesmo jeito, não entendo o motivo de tanta coisa por causa da menina lá. Sabe o que irrita, se fosse um assunto sério não teria ganhado tanta amplitude. Eu tbm quase não assisto a tv aberta, os programas tendem a piorar.

    Bom FDS!
    Beijos :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Effy, tudo bem? BBB é carta fora do baralho pra mim... não vejo mesmo!

      Essas celebridades, que de célebres não tem nada, são uma verdadeira palhaçada... como pode, né!?

      Enquanto eles ficam com as Luizas eu continuarei com meu Célebres imortais, muito mais importantes!!!

      bjinhos

      Excluir
  29. Adorei o texto e a tirinha. Adoro a Mafalda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbem adoro a Mafaldinha danadinha! Volte sempre, Luiz!

      Excluir
  30. Oi Joyci, tudo bem? Depois de um bom tempo olha eu aqui de novo. Gostei do seu texto. Sabe eu até assisto canal aberto, principalmente pq não tenho assinatura de canais fechados. O que mais me deixa P. da vida é por não termos programas culturais e educativos. Abrem espaço para BBBostas e Zorra total mas não tem coragem de abrirem por exemplo, um horário decente para o Serginho Groisman(é assim mesmo?) ter um programa legal. Socam ele num horário de madrugada onde a maioria sequer assiste. Acho que concordo bem com o que seu amigo jim carbonera escreveu, a respeito da falta de programas de qualidade, para balancear. Mas, também tem a questão da manipulação das informações que as emissoras fazem. Elas abordam as noticias da maneira que é mais conveniente para quem está no poder. A população fica a merce de um noticiário com irformações pela metade, ou muitas vezes, mentirosos. Acho que falei demais. forte abraço da Ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana... que bom ver vc de novo por aqui! Qto tempo... fico feliz que tenha gostado. Essa falta de programas de qualidade é realmente um problema. Acho que minha resposta para o Jimzinho cabe bem aqui, tbem. Vamos torcer para que as coisas mudem, né!? Quem sabe?

      bjinhos

      Excluir
  31. Joyci!!!
    É impressão ou seu post tá ficando um pouco menorzinho? 0.o
    Olha imagino como vc deve estar louca com essa correria e entendo muito bem como é dificil ficar longe da net...eu fico louca sem net, louca sem manter contato com o povo ou cuidar das minhas coisas. Sempre que chego do trampo, ligo o pc e fico um pouco durante a semana. Minha mãe fala que já estou viciada..diz isso porque ela não viu aqueles garotos viciadas na Ásia que levam tratamento de choque para se curarem do vicio kkkk.
    Vc quer um clone/ Sai muito caro fazer...eu prefiro aprender técnicas ninjas e invocar diversos Kage Bunshin no Jutsu para conseguir dar conta de tudo kkkk.
    Mas sabe, mesmo na correria, ficando loucas e hiperativas acho que conseguimos dar conta de tudo..é isso o que constantemente tento fazer.
    Sobre seu post anterior...digo que vc maneirou bem..se fosse eu teria descarregado mais jkkk. Tanto é que tem assuntos no blog que eu prefiro nem abordar. Porque senão a coisa será tensa. De fato, tem muita bobagem que o pessoal dá crédito e coisas importantes deixam de lado. Esses dias li umas matérias acerca das novas leis anti-piratarias..o povo fala de SOPA e PIPA e se esquecem que a pior de todas é a ACTA. Alias as 3 são problemáticas e devem ser destruidas.
    Dos filmes nacionais que vc falou só vi Bicho de Cabeças e gostei..Santoro subiu no meu conceito rs
    Eu não tenho hábito de comprar as ocisas pela web..eu comprava muito pelas Americanas mas depois que aprendi a baixar filmes bons pela net parei um pouco..só compro os que realmente gosto. Pior que essas malditas leis americanas estão para destruir a felicidade das pessoas u.u.
    Bom pense nesse lance sobre o AF em julho, crei oque vai ser um passeio divertido e diferente para toda sua familia ^^. Seu filho vai gostar, tem várias coisas para comprar também.
    Ah sim o Rammstein é bem discotecado nos rolês góticos...de certa forma acho que eles se encaixam na definição de Industrial. Se bem que a galera EBM também curte. Por falar em show vc soube quem virá pra SP em março? MORRISSEY!!!!!! *.*
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou indo ao trabalho(segundo tempo começa daqui a pouco... o juiz está quase apitando o final do intervalo! hahahah)... e, sacomé, né!? Preciso de um tempinho pra responder seu comentárião. rsrsrs

      Volto mais tarde...

      bjinhos

      Excluir
    2. Oi Tsunâmica... estou ficando doidinha da silva. Mas, sei que nas próximas semanas estarei mais acostumada.
      O grande problema para mim é justamente esse que vc citou sobre vc. Eu NECESSITO ficar nem que seja um pouco, na net, todos os dias. hahahahahah... senão fico com crise de abstinencia(brincadeira!)!!
      Caraaca, me ensina essas tecnicas ninjas de invocar esse "não sei o que"!? Por favor... diz que sim! klkkkkkkk... sério, preciso aprender a me organizar! Estou no caminho. rsrsrsrsrsrs como vc disse, mesmo na correria, damos conta sim! Sobre a questão de gerar polêmica e não falar de certos assuntos, sem bem como é isso. Principalmente pq sempre tem uns trolls que querem fazer graça e "botar pra quebrar" com seus comentários nada a ver. Até hj foi de boa. Mesmo algumas vezes tendo algum post mais polêmico, a galera consegue expor suas opiniões sem ofender ninguém por aqui. Nossa, esse lance de Sopa, Pipa, Acta é coisa séria e deve ser abolida. Quando vejo esse tipo de coisa, fico com minhas neuras de mania de conspiração, saca!? Sou desconfiada de tudo e de todos! hahahhahaah... sei lá, mas temos que abrir bem o olho... Sobre as compras pela net, só adquiro quando está muito barato e tem coisas que eu gosto demais. Outras coisas que eu tenho comprado muito por sites virtuais são livros. Adooooooooro!!! Definitivamente, eu queria ter um cadim mais de dinheiro(quero dizer, bemmmm mais) para poder montar uma biblioteca dos meus sonhos. Eu iria pirar...

      É verdade, Rammstein rola demais em eventos góticos. Apesar de ser classificado como industrial, acho a banda bem pesada, com guitarras carregadas, o que me faz curtir mais ainda(sacomé, né? Tem a pegada metal que eu gosto "so much"! hahaha)

      Eu ia te perguntar quem é Morrissey. Dicupa aí! rs... mas, fui correndo perguntar para o papai "gúgol"... não conhecia! O.o

      bjinhos

      Excluir
  32. Joicy

    Amei o seu texto. Tão oportuno agora com o inútil BBB. Assisto TV somente
    quando estou na cozinha geralmente na hora do jantar o Jornal Nacional,por não ter outra opção .Ainda bem que a Luiza sumiu.
    Texto , vídeo e Mafalda, perfeitos.

    Bijussss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elisa... sabe, eu tbem assistia bastante o jornal nacional, mas com a mania de manipular as notícias, que eles têm, fiquei sempre com um pé atrás em relação as informações que eles apresentam! Mas, não digo que de vez em quando ainda vejo. No entanto, tenho visto os noticiários por outros meios.

      A Luiza deve ter voltado para o Canadá... rs

      bjinhoss

      Excluir
  33. Eu queria me dirigir à gerência desse blog e falar que ela está com preguiça ou vendo tv demais... Onde está a postagem nova? Uma semana é muito tempo pô!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk... vc me maaaaaaata, desse jeito Andrezinho! A gerência vem dizer que está entrando no ritmo dos mortais que trabalham o dia toooooooooooooooooooooodo! kkkkkkkkkkk

      Estou precisando me organizar! A postagem para ser colocada ainda hj já está prontinha, mas preciso arrumar um tempo e tirar a foto(imprescindível) para colocar no post(a máquina está descarregada... O.O).kkkkkkkkkkkkkk

      EIIIIIII, não tem uma semana... têm quatro dias!! kkkkkkkkkkkkkkkk

      bjks

      Excluir
  34. Pois é, o antigo layout nunca me agradou plenamente e estive pensando em como melhorar. Ainda não sei muito bem se esse vai me satisfazer, mas vamos ver. Estou faz um bom tempo trabalhando numa arte para o blog também, mas faz muito tempo que não consigo tirar um tempo satisfatório para continuar trabalhando nela. Espero que algum dia eu termine rsrs.

    Poxa, eu vou ter de desistir também de ir ao MOA. Acabei gastando com outras coisas a grana que seria para o festival e a distância também pesou muito na questão. Triste por ser um evento que é a primeira vez que temos algo do porte no país, mas não terei outra alternativa. Esse Brujeria é uma banda mexicana, não é? Já li algumas coisas da banda, mas nunca parei para escutar. No caso, você vai ao show do Brujeria e eu vou ao "The Bard's Night" no dia 23 de abril, um dia após o MOA, Blind Guardian e Grave Digger no Credicard Hall em São Paulo, isso será magnifico rsrs.

    Interessante, não sabia que professores podiam acumular concursos.
    Então deve estar sendo bem pesado, trabalhar em duas escolas e ainda enfrentar a distância. Eu estou para ver se pego aulas agora com o inicio da atribuição, mas só de pensar em dar aulas e ter aulas na faculdade depois, isso já me deprime rsrs.

    Mas é mesmo, essas campanhas do "Dia sem Globo", "Dia da Terra" e derivados eu acho muito toscas. Lembro do meu tio todo moralista no dia da Terra com os filhos dele, sendo que no dia seguinte já estava ele de novo fazendo totalmente o oposto do que ele pregou aos filhos no dia da Terra. Uma campanha talvez seja melhor que nada (afinal, como pode ser pior que o nada? rs), porém programas assim precisam de uma continuidade e serem bem planejados, não escolher randomicamente um dia e dizer "Hoje eu vou ser hipócrita com todos e comigo mesmo" e ficar por isso.

    Eu acho que TV Cultura tem uma boa programação. Além dos programas que citei há outros como "Roda Viva", "Café Filosofico", "Pé na Rua" e os programas infantis também. Claro que se você tem a tv por assinatura dificilmente vai se ligar na tv aberta já que mesmo tendo também suas porcarias, tem muito mais opções de boa programação. Discovery Channel é uma praga que vicia rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Manfio… pois é, esse lance de mudar o visual do bloque é bacana… eu demorei até conseguir chegar nesse lay. Estou curtindo… essa questão de tempo para podermos organizar do jeitinho que queremos, é realmente complicado. Quem dera se tivéssemos tempo de sobra pra ficar horas mexendo nas coisas da blogosfera, né!? Estou para enlouquecer de tanta correria. Tenho me organizado para não ficar tanto tempo longe daqui.

      Então vc tbem não vai ao MOA? Sim, Brujeria é uma banda Mexicana… pô, eu li direito? Vc vai ao show do Blind , DE NOVO!? Pô… desse jeito a inveja me matará novamente. rsrsrsrsrs
      Ah, sim… os professores têm esse "privilégio" de acumular cargos. Acho que isso é pq se não pudéssemos, acabaríamos morrendo de fome, devido ao mísero salário que recebemos! kkkkkk O jeito é rir, para não chorar. Então vc quer dar aulas enquanto faz facul? Comigo foi assim… comecei a dar aulas em meu segundo ano de faculdade. É bom pra adquirir experiência. Tem muita gente que sai da graduação sem ter o mínimo de contato com sala de aula e isso é muito negativo, se vc deseja seguir a carreira de professor. Por isso que temos uma grande quantidade de educadores caindo de paraquedas em salas de aulas, depois que se formam.

      Vc me falou de seu tio moralista e me fez refletir em como temos esse tipo de pessoa no mundo. Por isso eu odeio tanto o "falso moralismo"… chega a ser irritante. Aliás, pra te falar a verdade, sou um tanto pé atrás com esse assunto de moralismo. Na maioria das vezes acaba demonstrando o quanto o ser humano é cheio do tal "politicamente correto". Do que adianta está todo cheio do senso moral e não ter nem um pouquinho de ética? Sei lá… complicado demais!

      Vc falou do café filosófico… adooooooooooooro! Aqui em Gyn acontece a cada 15 dias. Muito legal. Já participei de vários momentos super interessantes, nesses encontros. Aprendizado constante.

      bjinhos

      Excluir
  35. Eitaaa... e eu fiquei de fora disso... kkkkkk... sou TVzeira viu, não vou negar, mas a Globo não está na minha listinha de TVs não, sou mais SilviBT... kkkk...mais confesso que ouço mais musica e depois sento o meu rabete aqui e fico só na navega... pois é, esse negocio de TV daqui e dali, sei lá viu, um dia o negocio melhora, pois anda ruim que só!!
    Alías... eu acabei de ver True Blood e estou com medo dessa tal SOPA eu não poder assistir a 5ª temporada quando o povo colocar na net e agora amiga? Que dó viu!! Bjs

    ResponderExcluir
  36. Anmeiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Olá! Faça seu comentário!

Mas, NÃO DEIXE DE LER A POSTAGEM! ;)

Sinta-se a vontade!!! Sacomé, né!? Se você leu e chegou até aqui, não custa nada comentar... :)