20 de jul de 2014

AO MESTRE... MEU CARINHO!

Rubem Alves faz parte não somente do meu lado educadora, mas da pessoa Joicy Sorcière. Quem o conhece(ainda não consigo escrever no passado...), sabe que ele não escreveu apenas livros para a educação, mas para a vida! Há alguns anos tive a oportunidade de vê-lo, ouvi-lo de pertinho num congresso e até mesmo conversar rapidamente com ele. Desde o dia em que soube de seu problema de saúde, meu coração ficou apertado... ontem, com sua morte, o sentimento de tristeza foi ainda maior. Sabemos que são coisas que fazem parte dessa nossa danada vida de simples mortais! Mas, saber de tudo isso não nos tira o direito de chorar por aqueles que admiramos.

Visitando o site Catraca Livre, encontrei o trecho de uma carta deixada pelo mestre e resolvi socializar aqui com vcs.

Esse é o jeito que Rubem Alves quis se despedir da vida.

“Sou grato pela minha vida. Não terei últimas palavras a dizer. As que tinha para dizer, disse durante a minha vida. Recebi Muito. Fui muito amado. Tive muitos amigos. Plantei árvores, fiz jardins. Construí fontes, escrevi livros. Tive filhos, viajei, experimentei a beleza, lutei pelos meus sonhos. Que mais pode um homem desejar? Procurei fazer aquilo que meu coração pedia.”

“Não tenho medo da morte, embora tenha medo do morrer. O morrer pode ser doloroso e humilhante, mas à morte, eis uma pergunta. Voltarei para o lugar onde estive sempre, antes de nascer, antes do Big Bang? Durante esses bilhões de anos, não sofri e não fiquei aflito para que o tempo passasse. Voltarei para lá até nascer de novo.” (CatracaLivre)
Como não se emocionar ao ler tão belas palavras?

Ele se foi ...mas, deixou muitas lindezas em formas de palavras e assim eternizou-se! Obrigada, mestre!

"Quem é rico em sonhos não envelhece nunca. Pode até ser que morra de repente. Mas morrerá em pleno voo..."

Estou super ausente da blogosfera, eu sei... mas não poderia deixar de registrar no Umas e outras algo sobre esse meu queridíssimo Rubem Alves.
Câmbio, desligo...

7 comentários:

  1. Ele foi maravilhoso e fará grande falta! Linda homenagem! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
  2. Fará muita falta,com certeza!
    Gostei de sua homenagem, captando a essência deste tão querido escritor.
    Abraços e boa semana.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Joicy, bom dia,
    sim...semana triste essa, perdemos Jão Ubaldo e o grande Rubem Alves , que soube encantar o mundo com suas histórias , além de dar enorme contribuição para o cenário acadêmico e educacional...sim, não tem como não se emocionar ,e conforme dizia e é o que penso "Sobre a morte e o morrer"..." Já tive medo da morte. Hoje não tenho mais. O que sinto é uma enorme tristeza. Concordo com Mário Quintana: "Morrer, que me importa? (...) O diabo é deixar de viver." A vida é tão boa! Não quero ir embora..."mas, infelizmente ,ele nos deixou ...Bela homenagem..fará muita falta!
    Com saudades me despeço, Obrigado pelo carinho, bela semana, beijos!

    ResponderExcluir
  4. "A celebração de mais um ano de vida é a celebração de um desfazer, um tempo que deixou de ser, não mais existe. Fósforo que foi riscado.Nunca mais acenderá. Daí a profunda sabedoria do ritual de soprar as velas em festa de aniversário.Se uma vela acesa é símbolo de vida, uma vez apagada ela se torna símbolo de morte."
    (Rubem Alves)

    www.sinaisdemimtl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Joicy :)
    Como está?
    Uma pena ele ter ido mesmo :(
    Bela homenagem.

    Beijos e se cuida
    Rimas Do Preto

    ResponderExcluir
  6. Oi, Joicy.
    Este ano está realmente saindo pior do que o combinado, ontem perdemos a grande atriz Lauren Bacall e o comediante Robin Williams, que vez por outra falou bobagem, mas parecia ser boa pessoa.
    Não conheço ainda a obra de Rubem Alves, mas, assim como toda perda é uma tragédia, quando se perde um escritor, a impressão que se tem é que o mundo ficou realmente muito menor, já que eles nos ensinam que e relembram sempre que a imaginação não conhece fronteiras e sempre devemos ler mais para sermos mais.
    Abraço, Joicy.

    ResponderExcluir
  7. Olá Joicy,
    Estava sumido da blogosfera e retornando agora com um novo blog!

    De fato é uma pena termos perdido o Rubem Alves! Tem toda razão quando diz que ele ensinou muito mais do que a educação acadêmica, mas para a vida!

    Abraço,
    Flávio Ribeiro

    Quando voltar veja meu novo espaço:
    portaodoinfinito.blogspot.com.br
    (ex telinha crítica)

    ResponderExcluir

Olá! Faça seu comentário!

Mas, NÃO DEIXE DE LER A POSTAGEM! ;)

Sinta-se a vontade!!! Sacomé, né!? Se você leu e chegou até aqui, não custa nada comentar... :)