16 de out de 2014

Debate ou ataque?

Realmente, essas eleições precisam passar logo! A coisa está cada dia mais feia nas redes sociais. Ontem, perambulando pelo face, vi cada "ataque" em comentários de algumas postagens me deixaram de cabelo em pé! Sinceramente acho uma falta de respeito sem tamanho, por exemplo, definir como "decentes" apenas as pessoas que possuem voto igual ao seu(pois li isso num comentário... e esse é apenas um exemplo do que tenho lido por aí... já li ataques do tipo: "são burros, ignorantes, retardados, pobres, arrogantes, nojentos, babacas..." e por aí vai). 
É como meu querido cunhado bem disse, o fato de alguém votar no candidato X não tornará o eleitor mais decente que quem vota em Y. Isso é questão de ideal(ou a falta de)... é questão de acreditar em X ou em Y. Eu por exemplo, acho uma super ingenuidade quem acredita nesse sistema eleitoral, que pra mim não passa de uma farsa, independente de quem vença, mas nem por isso tenho o direito de sair ofendendo diretamente quem acredita nessa democracia representativa. Temos sim todo o direito de expor o que pensamos... As pessoas possuem opiniões diferentes e o debate pode ou não fazer com q os participantes da conversa mudem de ideia. Porém, o que tenho visto nas redes sociais, em algumas discussões nos comentários, é uma imposição ultrajante. Acho válido colocar as opiniões, os argumentos e entrar em um debate sim, caso haja oportunidade, porém, algumas pessoas, no calor das emoções, tem se esquecido de uma questão que deve ser levada em conta, O DEBATE DEVE SER DE IDEIAS E NÃO ATAQUE ÀS PESSOAS. ‪#‎sóacho‬.

(Ao final deste texto eu refleti e no fundo eu gostaria que esse período de eleições passasse e as pessoas permanecessem preocupadas com o Brasil... mas... não... pera... mas as pessoas(ok... não vou generalizar! Algumas pessoas... muitas...) não estão preocupadas com o país. Estão preocupadas apenas em atacar X ou Y e dizer qual é o "menos ruim"!). Como falei em outro momento, no facebook, as eleições nos mostram o seguinte: que a grande maioria dos brasileiros só são cidadãos "preocupados" com o seu país durante o período eleitoral! Quando acabar, tudo voltará ao normal. Afinal, já desempenharam seu "importante" papel lá naquela urninha, clicando nas tais teclinhas que validam o votinho. 
Ps. por favor, aos que se sentirem ofendidos, sem mimimi... interpretação de texto é fundamental. Não estou me referindo ao que as pessoas devem ou não postar em seu facebook (apesar de tbem ver muitos ataques desnecessários por aí. Mas, cada um faz o que quer de timeline). Estou me referindo aos comentários que surgem em determinadas postagens e a forma como as pessoas dão uma certeza absoluta de que sua verdade é a única verdade.

Beijinhos
Câmbio, desligo...

2 comentários:

  1. Oi Joicy
    Nossa, cara, vc é d+. Vc fica um tempão sem postar, e depois vem com um post deste, e eu me lembro por que me apaixonei por ti (no bom sentido) kkkkkk. Foi por causa desse seu jeito descontraído, como se estivesse aqui na minha sala, conversando comigo, e hoje sou blogueira também. Voltando ao post, concordo contigo, eu tenho minha opinião, publico alguma coisa no face, mas não gosto de confusão, e gostei do jeito como vc falou que nossa visão de política é só na hora de votar, depois esquecemos, eu sou uma dessas, tenho que mudar!
    Bjos. querida. Vê se não some!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii Lu! Ai que saudades de vc... saudades de blogar... saudades de todos. Isso aqui me faz tão bem. Preciso me organizar para voltar de vez. Então, pois é... as pessoas precisam começar a fazer uso do tal bom senso. Bjks :*

      Excluir

Olá! Faça seu comentário!

Mas, NÃO DEIXE DE LER A POSTAGEM! ;)

Sinta-se a vontade!!! Sacomé, né!? Se você leu e chegou até aqui, não custa nada comentar... :)